PUBLICIDADE
Notícias

Homem é preso com revólver após dizer que iria cometer um homicídio

O suspeito estava com um revólver 38. Um soldado chegou a revistá-lo à tarde, mas não encontrou o objeto

13:45 | 13/02/2016
Policiais do Batalhão de Rondas e Ações Intensivas e Ostensivas (BPRaio) prenderam um homem por porte ilegal de arma, no bairro Demócrito Rocha, por volta das 22h desta sexta-feira, 12. A prisão ocorreu após um soldado, também da Polícia Militar (PM), ter ouvido do suspeito que ele iria matar um desafeto.

As informações são do tenente-coronel Andrade Mendonça, porta-voz da PM. Ainda segundo o oficial, após ouvir a ameaça, o soldado revistou o homem sem, no entanto, localizar nenhum objeto ilícito. O soldado foi, então, ao velório do Augusto Huebster Rabelo Félix, morto durante um assalto no Pici na manhã da sexta. Retornando ao bairro Demócrito Rocha, o PM se deparou, mais uma vez, com o homem e pediu à composição do BPRaio, que se encontrava próximo ao local, para revistá-lo novamente. Os policiais dessa vez encontraram com ele um revólver calibre 38.

O tenente coronel não tinha informações sobre a razão pela qual o homem disse que iria cometer o homicídio. Conforme relato do soldado que abordou o suspeito, ele apresentava sinais de distúrbios mentais, já que "não falava coisa com coisa". O suspeito foi encaminhado à delegacia.

Redação O POVO Online
TAGS