PUBLICIDADE
Notícias

Presos queimam colchões e provocam rebelião em cadeia de Maranguape

15:52 | 19/12/2014
Detentos da Cadeia Pública de Maranguape, Região Metropolitana de Fortaleza, atearam fogo em colchões e provocaram uma rebelião, às 9h desta sexta-feira, 19.

O motim foi contido por volta das 10h30min e ninguém ficou ferido. Seis, dos 46 detentos, foram responsabilizados pela confusão.

De acordo com o sargento da 2ª CIA do 14º Distrito Policial (DP) de Maranguape, Francisco Cavalcante, os presos aproveitaram o horário do banho de sol, quebraram cadeados das grades e iniciaram o motim, queimando todos os colchões na entrada de acesso às celas e embaixo da guarida de segurança.

Policiais do Batalhão de Choque (BPChoque), do Grupo de Ações Táticas Especiais (Gate) e algumas viaturas da Polícia Militar (PM) de Maranguape foram acionadas para conter a revolta.

Os seis presos que lideraram a ação foram encaminhados para a delegacia de Maracanaú, onde serão autuados por dano ao patrimônio público.

A Secretaria de Justiça e Cidadania do Ceará (Sejus) informou que uma equipe de engenheiros fará uma inspeção no local para avaliar os danos e fazer os reparos necessários. 

Redação O POVO Online

TAGS