PUBLICIDADE
Notícias

Subtenente do Exército é acusado de matar filho de 9 anos e tentar envenenar esposa

A mulher desmaiou, e ao despertar, se deparou com o filho morto e o marido inconsciente, que também teria ingerido as substâncias

08:47 | 12/11/2014

Um subtenente do Exército Brasileiro, Francilewdo Bezerra Severino, 45, é acusado de matar o filho de nove anos, espancar e tentar matar a esposa envenenada.

De acordo com informações da Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social do Ceará (SSPDS- CE), o crime aconteceu na noite da última segunda-feira, 10, no bairro Dias Macedo, em Fortaleza.

As investigações iniciais revelam que o subtenente obrigou a esposa a ingerir bebida alcoólica junto com medicamentos psicotrópicos, e que teria a espancado.

A mulher desmaiou, e ao despertar, se deparou com o filho morto e o marido inconsciente, que também teria ingerido as substâncias. A Polícia e o socorro médico foram acionados e o subtenente levado ao Hospital Geral do Exército, onde permanece preso sob escolta.

A ocorrência foi registrada no 11º Distrito Policial (DP) e Francilewdo autuado em flagrante por homicídio e lesão corporal. O delegado da unidade, Silvio Rego, afirma que somente com o resultado do laudo cadavérico será possível confirmar a causa da morte da criança. A esposa do subtenente foi submetida a exame toxicológico.

Depois de receber alta médica, Francilewdo deve ser ouvido no 16º DP, delegacia responsável pela área onde ocorreu o crime, que dará continuidade às investigações.

Posteriormente, o homem será conduzido a uma carceragem do Exército Brasileiro em Fortaleza.

Redação O POVO Online

TAGS