PUBLICIDADE
Notícias

Prefeitura seleciona empresa para implantação do sistema de Bicicletas Compartilhadas

Projeto prevê estações de compartilhamento de bicicletas, integradas com terminais de transporte público. Aumento da malha cicloviária também deve integrar o sistema

12:52 | 09/09/2014
NULL
NULL

Atualizada às 15h30min

A Prefeitura Municipal de Fortaleza (PMF) apresentará, na manhã desta quarta-feira, 10, a Chamada Pública para a seleção de uma empresa que deve fazer a implantação e manutenção do sistema de Bicicletas Compartilhadas. O sistema, que integra o Plano de Ações Imediatas de Transporte e Trânsito (Paitt), já havia sido anunciado pelo prefeito durante entrevistas. Coletiva será aberta ao público.

Segundo a Secretaria Municipal de Conservação e Serviços Públicos (SCSP), o link do Edital pode ser acessado no portal e-compras da Prefeitura e será conduzido pela Comissão Permanente de Licitação. As propostas serão aceitas durante 15 dias, prazo que pode ser prorrogado pelo mesmo tempo.

O Sistema de Bicicletas Compartilhadas, conforme a Prefeitura, vem sendo adotado com sucesso em capitais brasileiras como São Paulo, Rio de Janeiro, Brasília, Recife e Salvador, além de cidades no exterior, como Paris, Londres, Nova York, Barcelona e Lyon.

"Nas cidades onde já funciona o sistema de bicicletas compartilhadas, de 60% a 70% dos usuários usam o equipamento em horário de pico, devolvendo-o em estações próximas de terminais de ônibus ou de paradas”, explica Luiz Alberto Sabóia, titular da SCSP, que coordena o Paitt.

[SAIBAMAIS 1] Projeto
As estações de compartilhamento de bicicletas devem ser implantadas em regiões de Fortaleza “com alta diversidade de uso (comércio, lazer, residência, serviços), próximas a terminais e estações de transporte públicos, bem como a outros pontos de grande atratividade”. O projeto prevê ainda estações próximas entre si, com bicicletas resistentes e próprias para o uso urbano.

De acordo com a SCSP, Fortaleza possui 75 km de ciclovias e 11 km de ciclofaixas, o que corresponde a 86 km de infraestrutura cicloviária. Para apoiar o sistema de Bicicletas, mais ciclofaixas e ciclorrotas que estão previstas no Plano Diretor Cicloviário Integrado (PDCI), que ainda está em fase de conclusão.

Critérios para empresa <br>Segundo Luiz Alberto, as empresas serão as responsáveis pelo investimento financeiro do projeto. Em troca, elas podem explorar sua publicidade no equipamento. “Para isso, quem vai operar com o sistema deve apresentar uma carta de patrocinadores, que poderão veicular suas marcas nas bicicletas. Em outros estados, há geralmente um patrocinador, mas aqui abrimos esse leque”, pontua.

A SCSP detalha ainda que será levada em consideração a experiência das empresas com sistemas do tipo. As empresas devem respeitar o valor  definido pelo Edital na cobrança do aluguel das bicicletas e fazer a integração com o bilhete único.

O valor do cadastro será de R$ 10, com direito a um mês de aluguel, a qualquer hora do dia. Para um ano de cadastro, será cobrada a taxa de R$ 60. No entanto, caso o aluguel ultrapasse o período de uma hora, será cobrada a taxa de R$ 5 por hora excedente. “A gente quer estimular viagens curtas, integrando o uso das bicicletas com outros modais”, completa o secretario de Serviços Públicos e Conservação. 

Serviço

Apresentação Edital do sistema de Bicicletas Compartilhadas de Fortaleza

Data: Quarta-feira, 10

Hora: 10 horas

Local: Auditório do Paço Muncipal (rua São José, número 1-Centro)

 

Redação O POVO Online

TAGS