PUBLICIDADE
Notícias

Polícia desarticula quadrilha que traficava drogas em Fortaleza e RMF com apoio de detento

Dentre os preso, estão duas diaristas que fariam a entrega da droga a um suposto agente penitenciário, que levava o material ao presídio Olavo Oliveira II, em Itaitinga

11:17 | 25/09/2014
NULL
NULL
A Polícia Civil apreendeu, em operação realizada nos últimos dois dias, 36 quilos de drogas e capturou cinco acusados de tráfico de drogas em Fortaleza e Região Metropolitana. O esquema contava com o apoio de um detento e há a suspeita de participação de um agente penitenciário, conforme informações do delegado Pedro Viana, da Divisão de Combate ao Tráfico de Drogas (DCTD).

Após denúncias e investigações do Serviço de Inteligência, a Polícia prendeu, na última terça-feira, 23, duas mulheres, identificadas como Maiza Barbosa dos Santos, 24, que responde na Justiça por receptação culposa, e Maria Vanderlangia Gomes, 19, conhecida como “Derlandia”. Com as acusadas, presas em flagrante na rua José Paulo Sobrinho, no bairro Paupina, foi apreendido 1 quilo de crack. Elas seriam as responsáveis pela entrega da droga ao suposto agente penitenciário, que levava o material ao presídio Olavo Oliveira II, em Itaitinga.

A droga chegava ao presídio sob o comando do detento Daniel Cardoso de Oliveira. A mulher dele, a diarista Priscila de Oliveira Costa, 25, foi presa na manhã da última quarta-feira, 24, na rua 10, no bairro Cágado, em Maracanaú. Junto com ela, foram presos ainda Carlos Alexandre Vieira Lima, conhecido “Alexandre Ventola”, 39, que responde por assalto, tentativa de assalto e receptação, e outra diarista, identificada como Jane de Sousa Costa Lima, 40. Com o grupo, foram apreendidos 35 quilos de maconha, uma pistola calibre .40, 51 munições de calibre .40, uma balança digital e uma carteira de identidade falsa.

Ainda não há informações sobre o agente penitenciário que introduziria a droga no presídio, mas de acordo com o delegado, Priscila confessou entregar o material para um dos agentes em troca de R$ 700.  Os cinco foram encaminhados à Divisão e foram autuados por tráfico e associação para o tráfico de drogas.

Redação O POVO Online com informações do repórter Thiago Paiva

TAGS