PUBLICIDADE
Notícias

Preso homem acusado de matar criança de três anos em tentativa de assalto

O acusado, que ainda não teve o nome divulgado, será apresentado nesta quarta na sede da Divisão de Homicídios

14:40 | 16/07/2014

Atualizada às 17h20

Um homem acusado de matar uma criança de três anos, no bairro Antônio Bezerra, no último dia 1º, foi preso nesta quarta-feira, 16, no bairro Jardim Guanabara. A vítima, Isabela de Sousa Silva, foi atingida com um tiro na cabeça durante uma tentativa de assalto a seu tio, um policial militar do Batalhão de Policiamento Turístico (BPTur).

O acusado é Adriano de Sousa Mesquita, 21 anos. A identificação dele foi divulgada em coletiva realizada na sede da Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), na tarde desta quarta.

A Polícia acredita que Adriano seja o autor dos disparos que matou a criança. Testemunhas reconheceram o acusado como um dos envolvidos na morte de Isabela. Porém, ele nega a autoria do crime. Mesquita será autuado por latrocínio (assalto seguido de morte).

De acordo com a Polícia, Adriano e um comparsa tentaram levar a moto do tio da criança, mas a dupla não conseguiu. Porém, os assaltantes roubaram o celular do PM. O outro bandido que participou da ação continua foragido.

O crime

Dois homens armados chegaram à via e abordaram o tio da criança, um policial militar do BPTur. Os assaltantes realizaram a ação em frente à casa da vítima e pediram a moto do PM.

Segundo o tenente-coronel José Nascimento, comandante da Área Integrada de Segurança (AIS) II, o policial deu a chave da moto aos bandidos, que tentaram fugir, mas a motocicleta estancou. Em seguida, a dupla armada teria efetuado disparos contra o PM do BPTur, mas acertaram a criança de três anos na cabeça.

Ainda de acordo com o militar, os assaltantes fugiram em um veículo modelo Celta, de cor preta, que dava apoio a ação criminosa. A criança foi levada ao hospital Frotinha do Antônio Bezerra, mas não resistiu aos ferimentos e morreu.

Redação O POVO Online

TAGS