PUBLICIDADE
Notícias

Cearense é preso em Natal quando recebia droga via postal

O cearense negou saber que o pacote possuía drogas e alegou que havia conhecido um homem de Belo Horizonte na Internet, que perguntou se o mesmo gostaria de revender suplementos alimentares

09:35 | 18/02/2014
NULL
NULL

A Polícia Federal prendeu um cearense de 21 anos, na tarde desta segunda-feira, 17, no momento em que ele havia acabado de receber encomenda de 1000 comprimidos de metanfetamina nos Correios, no bairro do Alecrim, no Rio Grande do Norte. O acusado negou ter conhecimento sobre a droga e afirmou que receberia suplementos alimentares para revender.

Segundo informações da Polícia Federal, os Correio denunciaram, na semana passada, uma encomenda com grande quantidade de comprimidos, detectada por aparelho de raio X. Na sexta-feira, 14, os policiais acompanharam a entrega do objeto em um endereço no Barro Vermelho, mas uma das moradoras do local afirmou que o destinatário era desconhecido.

No sábado, 15, o acusado, que não teve seu nome divulgado pela PF do RN, foi avisado pela moradora sobre o caso e foi aos Correios com uma identidade falsa, mas não pôde receber a caixa pois foi avisado por um funcionário da agência que não tinha expediente. O cearense ainda tentou subornar o funcionário para receber a caixa no mesmo dia, mas foi orientado a retornar na segunda.

Na segunda-feira, 17, já ciente da denúncia, a Polícia foi até o local e abordou o homem quando este recebeu a encomenda. O cearense fugiu, mas foi capturado e preso em flagrante, com uma carteira de identidade falsa e o pacote com comprimidos, posteriormente identificados como metanfetamina.

O cearense disse que não sabia que o pacote possuía drogas e alegou que havia conhecido um homem de Belo Horizonte na Internet, que perguntou se o mesmo gostaria de revender suplementos alimentares, em troca de R$500,00. O suplemento seria comercializado em Natal, mas a identidade do homem na Internet não foi revelada, pois o acusado afirma não lembrar o nome do remetente.

O acusado encontra-se detido na superintendência da Polícia Federal de Natal e aguarda uma vaga no sistema prisional do Estado. Ele foi autuado por tráfico de drogas, uso de documento falso e corrupção ativa.

Metanfetamina

A metanfetamina é uma droga estimulante do sistema nervoso central, muito potente e altamente viciante. Ela é sintetizada em laboratório e causa euforia, sensação de bem-estar e alterações importantes na percepção sensorial.

No último dia 29 de janeiro, a Polícia Rodoviária Federal (PRF) prendeu cinco pessoas que portavam quase 2000 comprimidos de outro tipo de droga estimulante sintética, a anfetamina, em Irauçuba. Os acusados estavam em estabelecimento comerciais na localidade de campinas, no km 145 da BR-221.

A última apreensão de droga sintética feita pela Polícia Federal no RN ocorreu em dezembro de 2011, quando brasileiros foram presos no aeroporto Augusto Severo de posse de seis quilos de comprimidos de ecstasy.

[FOTO2] 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Redação O POVO Online

TAGS