PUBLICIDADE
PUBLIEDITORIAL Urban

Urban oferta várias opções de transporte no mesmo app, inclusive motorista mulher e desconto especial para estudante

Aplicativo de carro particular não tem preço dinâmico, oferece corridas "de mulher para mulher", além de taxa fixa de apenas R$ 1,50 para motoristas

28/05/2019 18:54:30
Equipe da Urban em Fortaleza
Equipe da Urban em Fortaleza

Os aplicativos de carros particulares surgiram numa época de intenso crescimento urbano em várias cidades do mundo. E por aqui, os cuidados com esses serviços são discutidos para garantir melhorias e adaptações aos novos tempos. Fortaleza recebeu no ano passado um prêmio internacional de mobilidade urbana por se preocupar com questões como segurança, ciclofaixa, bicicletários, ônibus e outros segmentos. Entre eles, a oficialização do trabalho de motoristas por aplicativo na Capital.

Esses aplicativos se tornaram indispensáveis e hoje são bastante usados tanto por jovens, quanto por idosos. Uma boa dica para se tornar cliente fiel de algum deles é observar o custo benefício de cada um.

Atuando em Fortaleza desde janeiro, e em mais oito estados do País, a Urban se destaca no mercado por oferecer serviços inéditos, como isenção da tarifa dinâmica e uma baixa taxa aos motoristas, que é a principal reclamação de quem dirige em outras plataformas. “Eu e a maioria dos colegas achamos desumano cobrarem uma taxa que pode chegar a 36%, ou até mais, em corridas longas. As corridas normais são de 25%, o que já acho exorbitante. Já vi algumas divulgações da Urban e me interessei, preciso somente conhecer como eles funcionam”, comenta Patrick Silva, motorista de aplicativo.

Levando em conta esta realidade, a Urban optou por ir na contramão. A plataforma cobra apenas uma taxa fixa de R$ 1,50 por cada corrida aceita pelo motorista parceiro, onde R$ 0,50 é destinado ao seguro que cobre todas as viagens realizadas. Não importa o tamanho da sua corrida, o motorista só repassa R$ 1,50 para a plataforma.

Oferecer uma taxa menor ao motorista não implica em cobrar mais do passageiro. “O passageiro paga menos porque não existe dinâmica. E ainda disponibilizamos a categoria estudante, que torna a viagem ainda mais barata. Para o motorista, a taxa é fixa, e para o passageiro não importa onde você esteja ou o horário da solicitação, o preço é um só”, explica Márcio Morales, gestor da Urban em Fortaleza.

O passageiro também poderá escolher os carros, que tanto podem ser populares, como táxis ou vans. A forma de pagamento é no dinheiro, mas há a opção de solicitar um motorista com maquininha portátil para pagamentos no crédito ou no débito.

Outra aposta da companhia é oferecer às passageiras a possibilidade de solicitar motoristas mulheres. “A maioria das mulheres se sentem mais confortáveis e seguras quando motoristas mulheres vêm buscá-las. Pensando nisso, a Urban criou essa opção no aplicativo e a motorista que atender a chamada só irá buscar quem for do sexo feminino. Já temos hoje mais de 100 mulheres dirigindo na plataforma e este número só aumenta”, explica Rosa Moura, gestora da Urban em Fortaleza. Em algumas cidades do Brasil, esta categoria é a mais solicitada da plataforma.

Motoristas

Os motoristas interessados em ingressar na plataforma devem realizar o envio dos documentos no aplicativo, mas a ativação é feita pessoalmente, com a apresentação dos documentos originais e a checagem de antecedentes criminais feita na hora. Quem fizer o cadastro na plataforma, poderá rodar até o dia 9 de julho sem precisar pagar a taxa de R$ 1,50 por corrida.