PUBLICIDADE
PUBLIEDITORIAL unimedceara

Bicicletas que salvam vidas: iniciativa é inédita na América Latina

Na avenida Beira Mar, projeto completa quatro anos, e já atendeu 1.438 ocorrências de primeiros socorros

21/07/2021 05:00:27
A área de atuação do BIKE VIDA vai do Estoril na Praia de Iracema ao Mercado dos Peixes, no horário de 5h às 21 horas
A área de atuação do BIKE VIDA vai do Estoril na Praia de Iracema ao Mercado dos Peixes, no horário de 5h às 21 horas

O Projeto BIKE VIDA completa quatro anos de existência na avenida Beira Mar, em Fortaleza, neste mês de julho. A iniciativa conta com o trabalho de socorristas do SAMU, os quais se revezam sob duas rodas e percorrem o calçadão para atender ocorrências e situações que exigem primeiros socorros, como por exemplo: quedas, agressões, acidentes de trânsito, afogamentos, convulsões e até mesmo paradas cardiorrespiratórias.

A orla de Fortaleza foi escolhida para a implantação desta ação, pois milhares de pessoas circulam por ali diariamente, principalmente nos finais de semana. Este cartão postal da cidade reúne frequentadores de várias idades, classes sociais e diferentes lugares do mundo. E por este motivo o BIKE VIDA vem cumprindo uma missão muito importante: salvar vidas.

Durante todo esse tempo, 12 vidas foram salvas com esse trabalho, que realizou ao todo, desde seu funcionamento, 1.438 atendimentos (uma média de 30 ocorrências por mês). Deste total, apenas 318 casos necessitaram de remoção, ou seja, este trabalho conseguiu solucionar no próprio local 78% dos chamados sem precisar acionar a ambulância, um fato que chama a atenção para a visão sustentável da ação.

A ideia tornou mais eficiente o atendimento de baixa complexidade e ampliou as chances de sobrevivência de pessoas em estado grave no local, por meio do atendimento que só é possível devido a agilidade dos profissionais treinados que, de forma ágil e resolutiva, conseguem socorrer as vítimas através das bicicletas equipadas com kits para atendimento de urgência e emergência, que contém inclusive um DEA, mais conhecido como desfibrilador, aparelho bastante utilizado em caso de parada cardíaca, ferramenta indispensável para evitar o óbito do paciente. Para se ter uma noção do impacto positivo, durante estes quatro anos, o projeto BIKE VIDA atendeu 15 paradas cardiorrespiratórias (PCRs).

A área de atuação do BIKE VIDA vai do Estoril na Praia de Iracema ao Mercado dos Peixes, no horário de 5h às 21 horas. A iniciativa é inédita na América Latina e trata-se de uma parceria público-privada entre a Prefeitura de Fortaleza e a Unimed Ceará, que é a idealizadora do projeto e dá todo o suporte para viabilização das bicicletas e manutenção da base dos socorristas, que fica próxima à Estátua de Iracema.