Fecomercio

Fórum de Saúde no Trabalho lota Teatro Riomar e se consolida no setor

Evento marca agenda em saúde mental no trabalho como um dos mais relevantes no Ceará. O objetivo é abordar o conceito de saúde para além do contexto de adoecimento, mas do autocuidado como prevenção.

As relações no ambiente corporativo e como impactam a saúde mental é o foco da 3ª edição do Fórum de Saúde no Trabalho, que está sendo realizado desde as 13h desta sexta-feira, 5, no Teatro RioMar Fortaleza. Promovido pelo Sistema Fecomércio Ceará por meio do Serviço Social do Comércio (Sesc), a organização informou que todos os ingressos foram vendidos e espera que 900 pessoas passem pelo espaço - capacidade máxima do Teatro.

A advogada Jacqueline Bento, 45 anos, foi uma delas. Atuando no direito trabalhista, o tema debatido foi a motivação que precisava para se atualizar, uma vez que impacta diretamente os seus clientes. De acordo com ela, muitos funcionários são afastados do trabalho por problemas emocionais e psicológicos.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

Utilizando adjetivos como “excelente” e “sensacional” para descrever as duas primeiras palestras que assistiu, ela destaca a fala do médico e também advogado do trabalho Marcos Mendanha. “A questão do estresse realmente é o foco principal do tema saúde do trabalhador, então as palestras estão bem focadas nesse assunto”, afirma Jacqueline.

No painel "Qualidade de vida no trabalho: olhares para a saúde do trabalhador", Marcos falou sobre burnout e a chamada sociedade do cansaço, além de mencionar questões da atualidade geradas pelo excesso de trabalho: "na busca pela melhor performance, temos colhido mais individualismo, mais solidão", aponta o especialista, que é também diretor e professor da Faculdade CENBRAP. Também participaram do painel o nutricionista e palestrante Daniel Cady e a treinadora e esportista Camila Hirsh.

Emoções abrindo o diálogo

O Fórum de Saúde no Trabalho foi iniciado com Daniel Barros, com a palestra "Lidando com as emoções: como manter a saúde mental num mundo tão estressante". Colaborador do Departamento de Psiquiatria da Faculdade de Medicina da USP e médico do Instituto de Psiquiatria do Hospital das Clínicas da USP, Daniel falou sobre o papel das emoções negativas e das positivas e como elas estão interligadas.

De acordo com ele, as emoções positivas sinalizam o que é importante e que algumas emoções negativas, como o medo e a tristeza, são necessárias porque o medo, por exemplo, prepara a gente para evitar alguns comportamentos prejudiciais no trabalho, como a falta de preparo diante da entrega de algum relatório ou apresentação de projetos.

Se possível priorizar uma única dica sobre saúde mental no trabalho, Daniel dispara: cuide do seu sono. “O sono é uma coisa que a gente negligencia muito. A atividade física já está todo mundo falando, a alimentação saudável está todo mundo falando, mas o sono é uma coisa muito negligenciada”, alerta.

O evento registrou ainda a passagem do autor e consultor corporativo Luiz Gaziri, com a palestra “Ciência da Felicidade”; de Oscar Motomura, fundador e principal executivo da Amana-Key, organização referência na área de estratégia e liderança, com a palestra online “Emoções e autoconhecimento”; e será encerrado com a palestra magna "O poder da saúde mental", a ser conduzida por Ana Beatriz Barbosa, psiquiatra, host do podcast PodPeople e autora de livros de saúde mental.

Satisfação

Esta já é a terceira edição do evento. Para o diretor regional do Serviço Social do Comércio no Ceará (Sesc Ceará), Henrique Javi, o Fórum de Saúde no Trabalho está se consolidando no calendário do Estado como um importante evento voltado para a saúde no trabalho.

“Para o Sistema Fecomércio, (realizar o evento) é uma grande satisfação. A felicidade é de ver que o público está sendo fiel. A cada ano, está aumentando e aqueles que foram no primeiro (evento) também foram no segundo e se mantêm aqui, vindo ao terceiro”, comemora o gestor. A expectativa é de que, no futuro, possam ser utilizados espaços ainda maiores para a realização de outras edições.

De acordo com ele, “reconhecer a saúde é uma das missões desse trabalho”, diz, destacando que a saúde está comumente associada ao conceito de doença, mas é muito mais que isso. Por isso, o objetivo do Sistema Fecomércio é trazer à tona a verdadeira pauta da saúde: aquilo que se pode fazer para manter-se no estado mais estável e saudável possível, informa o diretor regional do Sesc.

“É isso que o Fórum, nesta terceira edição, traz. Esse debate sobre como é que a gente pode se manter bem a partir do que tem dentro de nós em relação ao que a gente oferece para o mundo e como é que a gente reage com aquilo que o mundo nos oferece”, finaliza.

Conteúdo de responsabilidade do anunciante
Fecomercio
Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

fórum de saúne no trabalho saúde mental saúde corporativa palestras

Os cookies nos ajudam a administrar este site. Ao usar nosso site, você concorda com nosso uso de cookies. Política de privacidade

Aceitar