PUBLICIDADE
PUBLIEDITORIAL centerbox

Férias escolares: cuidados com a alimentação e a pele são indispensáveis para as crianças

A dica é incluir frutas e verduras de forma criativa na alimentação dos filhos e conscientizar desde cedo os cuidados com a pele

21/07/2017 08:00:00
Em uma cozinha bem iluminada, duas crianças, que devem ter aproximadamente oito anos, estão em pé, por trás de uma mesa. Na mesa, estão várias frutas. As crianças seguram um copo de suco cada e estão muito felizes.
Em uma cozinha bem iluminada, duas crianças, que devem ter aproximadamente oito anos, estão em pé, por trás de uma mesa. Na mesa, estão várias frutas. As crianças seguram um copo de suco cada e estão muito felizes.

[FOTO1]

Com as férias de julho, o tempo livre das crianças aumenta. Neste período, surgem também novos desafios para os pais, que precisam dedicar mais tempo aos pequenos. Entre passeios e atividades para o período, outra preocupação dos responsáveis é com a alimentação. É comum a criançada se reunir com os amigos para a diversão. Muitas vezes, ela é acompanhada de pipoca, doces e refrigerantes. Mas o tempo em casa pode ser uma oportunidade para inserir na dieta frutas e verduras de uma forma prazerosa.

Segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), é recomendado o consumo de pelo menos 400 g/dia de frutas para que possamos obter um ganho nutricional expressivo e que atue na prevenção de doenças crônicas não transmissíveis. No caso de crianças, essa quantidade pode mudar de acordo com a rotina. Contar com o acompanhamento de um nutricionista pode ser de grande ajuda no momento de inserir essas opções no dia-a-dia de acordo com cada idade, com os devidos cuidados, inclusive, em relação a possíveis restrições alimentares.

“A inclusão de frutas e verduras na alimentação das crianças é de fundamental importância, são nelas que temos as maiores fontes de vitaminas, minerais e fibras que ajudam o organismo a funcionar corretamente”, explica Jéssica Barrocas, nutricionista do Grupo Centerbox. De acordo com ela, esses nutrientes agem positivamente no cérebro, estimulando a memória e, assim, melhorando o rendimento escolar e o processo de um bom crescimento e desenvolvimento das crianças. Além disso, esses alimentos são fonte de energia com poucas calorias, têm fácil digestão e proporcionam boa saciedade, sendo ideais para o dia a dia animado dos pequenos, ainda mais agitado neste mês de julho.

Para incluir na alimentação diária

De acordo com a nutricionista, quanto mais cedo frutas e vegetais forem introduzidos no cardápio das crianças, mais fácil será a aceitação e a adaptação, criando hábitos saudáveis desde cedo. “Temos que introduzir esses alimentos após os seis meses de vida. Os pais deverão ser espelho, sempre incentivando a comer frutas e verduras”, aponta. Para despertar o interesse dos pequenos no consumo desses alimentos, algumas outras estratégias podem ser úteis.

Uma dica que Jéssica aponta é levar as crianças para escolher as frutas e hortaliças, fazendo com que se sintam incluídos na escolha da alimentação. “Pedir ajuda na cozinha é muito importante, pois, quando a criança participa das preparações dos alimentos, terá mais vontade de comer e se sentirá importante. Sempre mostrar a importância que tem cada fruta e verdura consumida. Pratos enfeitados e bem coloridos também agradam muito a criançada”, sugere.

Sucos, picolés e saladas são boas opções. Mas vale lembrar a importância de não esquecer o consumo da fruta in natura, uma vez que algumas fibras e nutrientes do fruto e até da casca podem se perder no preparo do suco, por exemplo. Estimular a criança a montar um espetinho de frutas ou legumes, pedir sua ajuda para fazer um sanduíche natural com verduras e montar frutas nos pratos em formatos divertidos podem ajudar também a evitar que eles queiram trocar as opções saudáveis por biscoitos e frituras. “Sempre os envolvendo nos processos, desde a higienização das frutas e verduras até a montagem e a finalização do prato”, aconselha a nutricionista.

Cuidados com a pele

Com mais tempo livre para realização de atividades, são grandes as chances de aumentar a exposição solar para a criança. Praias, parques, piscina e outros ambientes são sempre excelentes opções para o momento da diversão; e a convivência com o sol é importante, já que é a partir do contato com os raios solares que a vitamina D é ativada em crianças e adultos. Entretanto, esse contato deve ser moderado e acompanhado de cuidados com a pele e com a hidratação.

Segundo a dermatologista Mariana Pimenta, o protetor solar pode ser usado em crianças a partir de seis meses de idade. O produto deve ser aplicado cerca de 30 minutos antes da exposição solar em boa quantidade. “O ideal é que o protetor seja reaplicado a cada duas horas ou sempre que a criança se expuser à água. Quando sair, enxugar o excesso de água e repassar o produto. Outra opção super em alta são as roupas com proteção solar”, aponta.

O horário em que a criança está exposta também merece atenção da família. De acordo com a Sociedade Brasileira de Dermatologia, entre 10h e 15h tanto adultos quanto crianças devem evitar essa exposição, mas, se acontecer, o uso do protetor e de roupas com proteção UV é fundamental.

Já para o momento da escolha do protetor, a dermatologista indica que pais e responsáveis sempre optem pelos próprios para a criançada. “O ideal é que seja escolhido um que tenha na embalagem o nome "kids" ou "infantil", porque existem protetores confeccionados diretamente para a pele de crianças, com menos produtos químicos, sem tendência de irritação dos olhos”, afirma.

Caroline Pontes, gerente de marketing do Grupo Centerbox, conta que, devido à grande procura do produto nesse período do ano, quase diariamente as lojas do grupo são abastecidas com produtos de higiene, beleza e limpeza, onde está incluso o protetor solar e suas variáveis. “Para proteger melhor seu filho, escolha sempre os resistentes à água e hipoalergênicos para evitar reações ao produto”, indica a gerente.

SERVIÇO

Todos os dias da semana, as lojas do Grupo Centerbox têm ofertas no setor de Hortifrúti, destaque pela qualidade das opções de frutas e verduras. De segunda a quarta, entretanto, os clientes podem economizar ainda mais.

Ofertas Frutas e Verduras: Segunda à quarta em todas as lojas Centerbox

Mais informações: (85) 3488 1222

Site: Centerbox

TAGS