Salário mínimo ideal deveria ser de R$ 6,5 mil, diz Dieese

O valor, que leva em conta a realidade de preços de fevereiro de 2023, é 5,03 vezes o salário mínimo em vigor no País (R$ 1.302)

O salário mínimo ideal para sustentar uma família de dois adultos e duas crianças no Brasil deveria ser de  R$ 6.547,58, segundo estudo do Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese).

O valor, que leva em conta a realidade de preços da cesta básica de fevereiro de 2023, é 5,03 vezes o salário mínimo em vigor no País (R$ 1.302).

Entenda como o Dieese faz essa conta

Para fazer o cálculo, a entidade usa como base o custo da cesta básica mais cara, que, em fevereiro, foi a de São Paulo (R$ 779,38), mas também a determinação constitucional que estabelece que o salário mínimo deve ser suficiente para suprir as despesas de um trabalhador e da família dele com alimentação, moradia, saúde, educação, vestuário, higiene, transporte, lazer e previdência.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

Em janeiro deste ano, o valor necessário era de R$ 6.641,58 e correspondeu a 5,10 vezes o piso mínimo. Já em fevereiro de 2022, o mínimo necessário deveria ter ficado em R$ 6.012,18 ou 4,96 vezes o valor vigente na época, que era R$ 1.212.

Cesta básica x salário mínimo

Ainda de acordo com a pesquisa, em fevereiro de 2023, o tempo médio necessário para adquirir os produtos da cesta básica foi de 114 horas e 38 minutos, menor do que o de janeiro, de 116 horas e 22
minutos. Já em fevereiro de 2022, a jornada média foi de 114 horas e 11 minutos.

O valor do conjunto dos alimentos básicos diminuiu em 13 das 17 capitais onde a pesquisa é realizada. Entre janeiro e fevereiro de 2023, as reduções mais importantes ocorreram em Belo Horizonte (-3,97%),
Rio de Janeiro (-3,15%), Campo Grande (-3,12%), Curitiba (-2,34%) e Vitória (-2,34%).

Já as elevações foram observadas em quatro capitais do Norte e Nordeste: Belém (1,25%), Natal (0,64%), Salvador (0,34%) e João Pessoa (0,01%). 

Mais notícias de Economia

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

salario minimo ideal dieese cesta basica gasto trabalhador inflação custo alimentos

Os cookies nos ajudam a administrar este site. Ao usar nosso site, você concorda com nosso uso de cookies. Política de privacidade

Aceitar