Participamos do

Usina de dessalinização de Fortaleza terá equipamentos de empresa israelense

Contrato de fornecimento foi assinado pela Marquise, líder do consórcio Águas de Fortaleza, e a IDE Assets
18:47 | Mar. 22, 2022
Autor Redação O POVO
Foto do autor
Redação O POVO Autor
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

A usina de dessalinização de Fortaleza vai contar com equipamentos israelenses na operação. O contrato para fornecimento do material foi assinado entre a Marquise, empresa líder do Consórcio Águas de Fortaleza, e a IDE Assets, de Israel.

No portfólio da empresa estão plantas de dessalinização no Chile, Estados Unidos, Índia, Singapura e Taiwan, além de Israel. O documento foi assinado por Renan Carvalho, diretor da Marquise Infraestrutura e presidente do consórcio, e Lihy Teuerstein, CEO da empresa israelense.

“Israel é líder mundial na tecnologia de dessalinização. Cerca de 80% da água potável consumida pela sua população é proveniente do mar. A parceria firmada com a IDE nos traz ainda mais confiança no êxito do programa. Estamos trazendo o que há de melhor e mais moderno para Fortaleza”, destaca Carvalho, em nota

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

A Marquise não revelou o valor do contrato de fornecimento nem especificou quais os equipamentos estão sendo fornecidos. Líder do projeto, a empresa tem ainda a PB Construções LTDA e Abegoa Água S/A como sócias na construção da usina.

O projeto

Orçado em R$ 3,2 bilhões, o projeto da usina de dessalinização de Fortaleza foi lançado em edital pela Companhia de Água e Esgoto do Ceará (Cagece) no ano passado e é o maior do País. O objetivo do governo com a investida é ampliar a oferta de água potável para a população em 12%.

A usina terá capacidade de produção de 1 metro cúbico por segundo e deve beneficiar cerca de 720 mil pessoas nos bairros Praia do Futuro, Caça e Pesca, Serviluz, Vicente Pinzon, Dunas, Aldeota, Varjota, Papicu e Cidade 2000.

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

Os cookies nos ajudam a administrar este site. Ao usar nosso site, você concorda com nosso uso de cookies. Leia Mais.

Aceitar