Participamos do

Alemanha: CPI sobe 5,2% na comparação anual de novembro (maior ritmo desde 1992)

07:19 | Dez. 10, 2021
Autor Agência Estado
Foto do autor
Agência Estado Autor
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

Os preços ao consumidor da Alemanha subiram fortemente em novembro, registrando sua maior leitura desde junho de 1992 e confirmando dados preliminares, informou o escritório de estatísticas Destatis nestaa sexta-feira, 10. O índice de preços ao consumidor (CPI, na sigla em inglês) alemão avançou 5,2% em novembro ante igual mês do ano passado, medido pelos padrões nacionais, e aumentou 6,0% no ano pelos padrões harmonizados da União Europeia, ambos em linha com as previsões dos economistas consultados pelo The Wall Street Journal. Na comparação mensal, o CPI alemão caiu 0,2% em novembro pelos padrões nacionais e aumentou 0,3% pelos padrões da UE.

O aumento na taxa de inflação foi causado principalmente por efeitos de base devido aos preços mais baixos em 2020, disse o escritório de estatísticas. Nesse contexto, a redução temporária do imposto sobre o valor agregado e a queda acentuada nos preços dos produtos de óleo mineral também tiveram um efeito de alta sobre a taxa de inflação geral, disse Destatis.

Fatores adicionais incluíram a introdução de preços de dióxido de carbono em janeiro e os efeitos relacionados à pandemia, como aumentos de preços marcados durante o estágio de recuperação econômica, disse o escritório de estatísticas.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine
Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags