Participamos do

Argentina restringe compras parceladas de passagens para o exterior pelo crédito

22:51 | Nov. 25, 2021
Autor Agência Estado
Foto do autor
Agência Estado Autor
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

Banco Central da Republica Argentina (BCRA) anunciou nesta quinta-feira, 25, a restrição de compras de passagens aéreas para o exterior e de serviços em outros países, como alugueis de carro e hospedagem, parceladas em cartões de crédito. Em comunicado, a autoridade estabelece que as entidades financeiras a partir de 26 de novembro não deverão providenciar transações parceladas de clientes em outros territórios, sejam eles pessoa física ou jurídica.

O jornal La Nación aponta que a medida vem logo quando está ocorrendo a reabertura das fronteiras e as condições de entrada em outros países tornaram-se mais flexíveis. Além disso, lembra que ocorre às vésperas da "Black Friday", cuja versão local inclui pacotes turísticos, muitos dos quais já estavam sendo promovidos em até 12 vezes sem juros.

O movimento vem em meio ao apertos cambiais no país, conhecidos localmente como "cepos", e em mais um momento no qual a diferença entre a cotação do dólar oficial para o paralelo atinge um alto nível. Segundo o jornal Cronista, o dólar extraoficial blue operou hoje com a cotação de 201 pesos.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

Outro comunicado do BCRA afirmou que a aquisição de passagens aéreas para o exterior poderá ser financiada com cartão de crédito à uma taxa de 43%. Já os bilhetes para dentro do território nacional argentinos podem ser financiados pelos meios de pagamento sem maiores restrições, segundo a publicação.

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags