Participamos do

13º salário: Pagamento da 1ª parcela para servidores do Estado ocorrerá no dia 21 de junho

O anúncio foi feto na manhã desta terça-feira, 1º de junho, pelo governador do Ceará, Camilo Santana (PT), em transmissão ao vivo pelas redes sociais. A medida deve beneficiar cerca de 130 mil servidores, entre ativos e aposentados e pensionistas e gerar uma aplicação de R$ 500 milhões na economia do Ceará
10:45 | Jun. 01, 2021
Autor Alan Magno
Foto do autor
Alan Magno Estagiário de jornalismo
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

O pagamento da primeira parcela do décimo terceiro (13º) salário dos servidores públicos estaduais ativos e inativos de 2021 irá ocorrer no dia 21 de junho. O anúncio foi feto na manhã desta terça-feira, 1º de junho, pelo governador do Ceará, Camilo Santana (PT), em transmissão ao vivo pelas redes sociais ao lado da titular da Secretária da Fazenda do Estado, Fernanda Pacobahyba.

LEIA MAIS | 13º salário: primeira parcela de servidores da Prefeitura será dia 21 de junho, anuncia Sarto

A medida deve beneficiar cerca de 130 mil servidores, entre ativos e aposentados e pensionistas e gerar uma aplicação de R$ 500 milhões na economia do Ceará. De acordo com o governador, em virtude da pandemia, o Estado realizou a antecipação do pagamento da primeira parcela do décimo terceiro salário em cerca de um mês. Camilo destacou que somando o pagamento da folha do mês de maio, a antecipação do 13º salário e o pagamento da folha de junho, serão cerca de R$ 2,5 bilhões injetados na economia cearense em cerca de um mês.

Presente na live, a vice-governadora do Ceará, Izolda Cela (PDT), afirmou que a antecipação é uma prova de empatia e cuidado da gestão estadual, ela definiu a ação como "uma prova da responsabilidade" do Estado em zelar para amparar todos aqueles afetados pela pandemia de Covid-19, indo além do enfrentamento da crise sanitária gerada pela doença. "Governo tem feito um esforço para minimizar as situações extremamente difíceis que muitas pessoas passam, e essa antecipação é mais um esforço para que nós possamos garantir um conforto maior para os cearenses", declarou.

O recurso, segundo Camilo, foi antecipado "para que a gente possa exatamente não só garantir essa injeção de recurso na economia, mas o mais importante, aquecer (a economia), nesse momento que nós tanto precisamos e gerar empregos, gerar oportunidade". O governador agradeceu ainda a todos os servidores do Estado, os definindo como "fundamentais" para o desenvolvimento do Ceará.


Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags