Participamos do

Ceará vai inaugurar Observatório Costeiro e Marinho

De acordo com a Secretaria do Meio Ambiente, projeto vai contribuir para tomadas de decisões referentes ao desenvolvimento sustentável na zona costeira. Contribuições e sugestões para o processo de construção do Observatório Costeiro e Marinho do Ceará podem ser enviadas
12:23 | Mai. 25, 2021
Autor Samuel Pimentel
Foto do autor
Samuel Pimentel Jornalista no OPOVO
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

Após planejamento que já dura um ano, a Secretaria do Meio Ambiente do Ceará (Sema) anunciou nesta terça-feira, 25, que o Estado terá um Observatório Costeiro e Marinho.

O objetivo do equipamento de pesquisa será auxiliar de forma participativa para o desenvolvimento sustentável na Zona Costeira cearense.

O equipamento está inserido na programação estadual para a temática e configura-se como um dos produtos do Planejamento Costeiro e Marinho do Ceará no âmbito do Programa Cientista Chefe-Meio Ambiente (Funcap/Sema/Semace).

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

Artur Bruno, titular da Secretaria, afirma que esse projeto "será mais uma ponte entre a Ciência, Inovação e Políticas Públicas quanto à Gestão Costeira e Marinha do nosso estado”. Contribuições e sugestões para o processo de construção do Observatório Costeiro e Marinho do Ceará podem ser enviadas para o e-mail cientistachefesema@gmail.com.

Marcelo Soares, coordenador do Cientista Chefe-Meio Ambiente, afirma que o Observatório Costeiro vai contribuir de forma participativa para o desenvolvimento sustentável na Zona Costeira cearense já que está sendo concebido como um espaço de participação social. "Vai nos auxiliar na tomada de decisões referentes à Zona Costeira e Ambiente Marinho”, diz.

O Observatório conta com pesquisadores, professores e técnicos da Sema, da Superintendência Estadual do Ceará (Semace), da Secretaria do Patrimônio da União (SPU), da Marinha do Brasil, de representantes dos 23 municípios costeiros do estado, da Federação das Indústrias do Estado do Ceará (Fiec), da Funcap/Programa Cientista-Chefe, do Instituto de Ciências do Mar (Labomar/UFC), de vários departamentos da Universidade Federal do Ceará (UFC), da Universidade Estadual do Ceará (Uece) e do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará (UFC).

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags