PUBLICIDADE
Economia
Noticia

Air France retoma voos entre Brasil e França, mas Fortaleza-Paris é previsto somente para junho

Apenas trechos entre Guarulhos (SP) e Galeão (RJ) foram reativados no último fim de semana

17:17 | 29/04/2021
A companhia não informou quais as aeronaves deve operar nessa nova retomada de voos, a partir de São Paulo e Rio de Janeiro (Foto: Arquivo/ Air France)
A companhia não informou quais as aeronaves deve operar nessa nova retomada de voos, a partir de São Paulo e Rio de Janeiro (Foto: Arquivo/ Air France)

A companhia aérea Air France retomou, no último fim de semana, os voos diretos entre Brasil e França, após o governo francês liberar a entrada de brasileiros em seu território. Os trechos, no entanto, serão apenas os que partem de Guarulhos (SP) e Galeão (RJ). Apesar de ser a companhia responsável pelos voos internacionais do hub aéreo no Aeroporto Internacional de Fortaleza, juntamente com a parceira KLM, a Air France não retomou as frequências que saem do Ceará.

Contatada pelo O POVO, a companhia informou que “está previsto para a Air France voltar a operar em Fortaleza no mês de junho". Mas ponderou: "No entanto, devido ao atual contexto da pandemia, a companhia reforça que revisa sua malha constantemente e a mesma pode sofrer alterações". "Em relação à KLM, ainda não há previsão para a retomada”.

Com isso, foram reativados "5 voos semanais no aeroporto de Guarulhos, em São Paulo, e 3 voos semanais no Galeão, no Rio de Janeiro". No comunicado, a empresa ainda "ressalta que devido às muitas restrições de viagens em diversos países, em decorrência da pandemia e que mudam a todo momento, sua malha pode sofrer alterações para atender às regras governamentais e adaptar-se à demanda".

Antes da pandemia, Air France e KLM chegaram, juntas, a ter voos diários entre Fortaleza e Paris. Nesta nova retomada, a companhia não informou quais aeronaves deve usar.

Acesse a cobertura completa do Coronavírus >

Regras para embarque e desembarque

A companhia informou ainda que, de acordo com as novas regras do governo francês para ingressar no País, os passageiros que possuem a França como destino final devem apresentar uma das seguintes alternativas de testes com resultado negativo:

  • Um teste PCR negativo feito com até 36 horas antes do embarque ou teste PCR negativo feito com até 72 horas antes do embarque + um teste antígeno feito com não mais de 24 horas antes do embarque;
  • Os passageiros deverão fazer mais um teste antígeno na chegada em Paris e permanecer em quarentena por 10 dias. Isso vale para qualquer destino na França;
  • Apenas viagens essenciais são autorizadas para o país. Para isso, o cliente deve justificar sua viagem apresentando provas e endereço, assim como um certificado de viagem e declaração de saúde que podem ser baixados do site do Ministério do Interior da França.

Para clientes que fazem conexão para destinos internacionais, ou seja, fora da França, as regras de testes de Covid-19 para embarque são as mesmas, segundo a companhia.

Quem pode entrar na França

Há regras também para quem pode entrar na França. Confira:

  • Ser um cidadão francês ou residente permanente na França;
  • Ser cidadão e residente permanente de um país Schengen (espaço formado por 26 países que compõem a União Europeia e onde os cidadãos possuem fluxo livre);
  • Tripulação médica, marítima e aérea, comprovadamente a serviço, entre algumas outras condições.

A Air France ainda indica o site do Ministério do Interior da França para consultar todas as condições.

"Devido às constantes mudanças ocasionadas pela pandemia de covid-19, a Air France  aconselha que os clientes verifiquem, tanto no momento da compra quanto nos dias que antecedem a viagem, o site da companhia, o Travel.doc, o site do Governo Francês e do destino final para se atualizar das condições mais recentes para entrada", finaliza o comunicado.