Participamos do

MPCE propõe escalas de horários para retomada e cobra fiscalização pelo governo

Ministério Público do Estado do Ceará sugere ainda conscientização da população sobre os cuidados sanitários
16:22 | Abr. 09, 2021
Autor Redação O POVO
Foto do autor
Redação O POVO Autor
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

O Ministério Público do Estado do Ceará (MPCE) lançou comunicado sugerindo "escalonamento do retorno das atividades econômicas". A preocupação já havia sido manifestada pela Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Ceará (Fecomércio-CE) e foi tema de reunião do MPCE nesta sexta-feira, 9.

"O intuito é diminuir o impacto e as aglomerações no transporte público de Fortaleza. O assunto foi debatido em reunião virtual, realizada na manhã desta sexta-feira (09/04), com representantes do Ministério Público do Estado do Ceará (MPCE), Ministério Público Federal (MPF), Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros do Estado do Ceará (Sindiônibus), Governo do Estado e Prefeitura de Fortaleza. Os participantes da reunião e que também integram o Comitê Estadual irão propor a medida", diz nota do MP.

Além da sugestão, o coordenador do Centro de Apoio Operacional da Cidadania (Caocidadania), promotor de Justiça Eneas Romero, e a titular da 137ª Promotoria de Justiça de Fortaleza, promotora de Justiça Ana Cláudia Uchoa, "vão requisitar ao Município de Fortaleza e Estado do Ceará atividade ampla de fiscalização, organização e conscientização das aglomerações nos terminais, nos pontos e nos ônibus, inclusive com campanha de informação e participação ampla da Guarda Municipal, órgão de trânsito, Agência de Fiscalização de Fortaleza (Agefis) e demais órgãos necessários".

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

A oferta de 200 ônibus extras pelas empresas também serão alvo de fiscalização do próprio MPCE e do Ministério Público Federal (MPF), segundo o órgão, que fala ainda "de possível ampliação da frota".

Espera-se para a tarde de hoje, 9, a definição pelo governador Camilo Santana do retorno ou não das atividades econômicas no Estado, depois de uma sinalização dada por ele na semana passada para o início da retomada em 12 de abril.

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags