PUBLICIDADE
Economia
NOTÍCIA

Governo exonera diretor da Agência Nacional de Mineração 'em virtude de renúncia'

10:23 | 30/03/2021

O governo federal exonerou Eduardo Araújo de Souza Leão do cargo de diretor da Agência Nacional de Mineração (ANM), vinculada ao Ministério de Minas e Energia. A saída dele está formalizada no Diário Oficial da União (DOU) "em virtude de renúncia" e tem efeitos retroativos, contados a partir de 3 de março.

Eduardo Leão é engenheiro sanitarista e ambiental e foi nomeado no cargo em novembro de 2018, para um mandato de quatro anos, que terminaria em 2022.