PUBLICIDADE
Economia
Noticia

Senado deve concluir hoje votação da PEC do auxílio para esta quinta-feira

O governo estuda retornar com o auxílio emergencial em forma de quatro parcelas de R$ 250 ainda este mês

07:35 | 04/03/2021
Senado Federal (Foto: Marcello Casal JrAgência Brasil)
Senado Federal (Foto: Marcello Casal JrAgência Brasil)

O Senado concluiu na noite desta quarta-feira, 3, a votação da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) Emergencial em primeiro turno e adiou a segunda etapa da votação para esta quinta-feira, 4, às 11 horas. Os senadores rejeitaram os destaques pautados nesta quarta, mas ainda vão analisar uma proposta de alteração hoje. A oposição vai apresentar um destaque para excluir do texto o limite de R$ 44 bilhões para o crédito extraordinário do novo auxílio emergencial. Se a sugestão for aprovada, a despesa ficará sem limitação, abrindo margem para o governo aumentar o valor das parcelas do benefício.

O governo estuda retornar com o auxílio emergencial em forma de quatro parcelas de R$ 250 ainda este mês.

A votação ocorreu após uma articulação de líderes do Senado para retirar as despesas do Bolsa Família, calculadas em R$ 34,9 bilhões, do teto de gastos neste ano. A tentativa causou reação negativa da equipe econômica e do mercado financeiro e foi chamada de "balão de ensaio" do Senado nos bastidores. Agora, a negociação é usar a economia de recursos do orçamento do Bolsa Família nos quatro meses de concessão do auxílio para reforçar o programa no segundo semestre.