PUBLICIDADE
Economia
NOTÍCIA

Empresas de publicidade digital Taboola e Outbrain desistem de fusão avaliada em US$ 850 milhões

Acordo milionário previa formar potente competidora para o Google e o Facebook no mercado da publicidade online

07:15 | 10/09/2020
A união das duas companhias buscava formar uma potente empresa para concorrer diretamente com o Google e o Facebook no setor de publicidade virtual (Foto: Reprodução)
A união das duas companhias buscava formar uma potente empresa para concorrer diretamente com o Google e o Facebook no setor de publicidade virtual (Foto: Reprodução)

As empresas de publicidade online Taboola e Outbrain desistiram da fusão avaliada em US$ 850 milhões anunciada em 2019. A união das duas companhias buscava formar uma potente empresa para concorrer diretamente com o Google e o Facebook no setor de publicidade virtual.

De acordo com informações cedidas por uma fonte anônima ao portal AdExchanger, um dos principais motivos pelo qual a fusão foi cancelada é devido à mudança na política de anúncios que a Taboola realizou, fazendo com que a plataforma perdesse diversos clientes importantes, como a Fox News e a News Corp, no Reino Unido.

A perda dos clientes contribuiu para a incapacidade da Taboola de cumprir com o financiamento prometido no acordo original de fusão. A negociação também foi dificultada por investigações nas empresas em alguns países. As autoridades dos Estados Unidos da América (EUA) sinalizaram que o acordo seria aprovado, mas as empresas eram investigadas em Israel, onde foram criadas, e no Reino Unido.

Em comunicado oficial emitido por Yaron Galai, CEO da Outbrain, a falta de acordo entre as empresas não é o resultado esperado inicialmente pela empresa. “Acreditávamos, ao entrar neste processo, que existiria um grande potencial e valor agregado a serem oferecidos aos nossos colaboradores, anunciantes, parceiros editoriais e acionistas.

No entanto, parece que essa combinação simplesmente não era para acontecer. Trabalhamos muito para misturar água e óleo, mas no final das contas as empresas se mostraram muito diferentes para se tornarem uma só.”, escreveu o empresário.

Mais detalhes da negociação são confidenciais e não podem ser mencionados por ambas as partes. A Taboola ainda não se pronunciou oficialmente sobre o cancelamento do acordo de fusão entre as duas empresas.