PUBLICIDADE
Economia
NOTÍCIA

Correios adotam programa de apoio aos micro e pequenos empreendedores

Empresa procura alternativas para ajudar empresas que estão usando somente o comércio eletrônico

Victor Hugo Pinheiro
15:58 | 28/04/2020
 Imagens da agência dos Correios do Centro. (Foto: Alex Gomes/O Povo)
Imagens da agência dos Correios do Centro. (Foto: Alex Gomes/O Povo) (Foto: Alex Gomes/ Especial para O POVO)

Os Correios lançam nesta terça-feira, 28, o "Programa de Apoio ao Microempreendedor", que tem o intuito de apoiar as estratégias adotadas pelo comércio eletrônico durante à pandemia causada pelo coronavírus (Covid-19). Desde o mês de março, quando foi implementada as medidas de isolamento social, as vendas onlines têm crescido em todo o País.

O novo programa dos Correios oferece uma lista de soluções para ajudar os empreendedores no fortalecimento e desenvolvimento dos negócios virtuais. A ação também traz dicas prática sobre logísticas do comércio eletrônico.

A empresa de entregas estabeleceu as seguintes soluções para diminuir os impactos nas micro e pequenas empresas: serviços de coleta gratuita para todos os clientes com contrato; suspensão da cobrança de valor mínimo previsto nos contratos comerciais; ampliação de vigência das pré-listas de postagem; redução do valor da cobrança adicional de Manuseio Especial por Formato e Dimensão, além do desenvolvimento de novos produtos e serviços digitais.

Em nota oficial, os Correios afirmam que: "reforça o compromisso de fornecer respostas efetivas de comunicação e logística para consumidores e vendedores, de forma física, digital e com segurança, conforme requer o caráter essencial dos seus serviços".