PUBLICIDADE
Notícias

Com mais de 390 mil contratações, Ceará teve saldo positivo de empregos em 2018

Apesar de dezembro ter saldo negativo de empregos formais, dados do Caged apontam mais de 390 mil admissões no Estado no ano passado

12:32 | 23/01/2019
O Ceará terminou o ano de 2018 com saldo positivo de empregos formais, segundo dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) divulgados pelo Ministério do Trabalho nesta quarta-feira, 23. Os números levam em conta trabalhos em regime celetista, com carteira assinada.

Considerando o período de janeiro a dezembro do ano passado, foram, ao todo, 390.089 admissões e 367.008 demissões no Ceará. O saldo (considerando a diferença entre admissões e demissões) é de 23.081 postos de trabalho criados.

O saldo de dezembro, entretanto, é negativo. No último mês do ano, foram 23.514 admissões e 28.995, gerando a diferença de 5.841 cargos de trabalho perdidos.

A variação em Fortaleza nesse mesmo período de dezembro foi baixa (em comparação com outras áreas metropolitanas), mas negativa: foram 19.124 admissões e 19.816 demissões, gerando saldo de 692 postos de trabalho a menos.

O setor que mais contribuiu com essa variação negativa de dezembro no Ceará foi a indústria da transformação, que teve saldo de menos 3.052 postos de emprego no mês. Foram, ao todo, 2.738 admissões e 5.790 demissões.

Apenas o setor de comércio teve variação positiva no último mês do ano, com 7.376 vagas criadas e 5.498 demissões.
 
TAGS