PUBLICIDADE
Economia
NOTÍCIA

Centro abre no penúltimo domingo antes do Natal, mas comerciantes reclamam do movimento

Até o dia 24, a pesquisa Potencial de Consumo do Fortalezense espera que o comércio varejista da Capital movimente R$ 307 milhões, 6% a mais que o mesmo período do ano passado

Ingrid Campos
17:25 | 16/12/2018
NULL (Foto: )
NULL (Foto: )
[FOTO1]Algumas lojas do Centro de Fortaleza abriram neste domingo, 16, o penúltimo antes do Natal. Com as compras do fim de ano, o comércio da Capital se programa para lucrar ainda mais. O movimento de compra, no entanto, é menor do que o esperado, segundo comerciantes ouvidos pelo O POVO Online.

“Eu tô achando devagar, ainda. Todo ano é muito bom, [no mesmo período] a gente vendia muito bem. Hoje, as vendas caíram muito”, reclama Lúcia de Fátima, 45, dona de um quiosque de acessórios na rua Guilherme Rocha.

Em pesquisa da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Ceará (Fecomércio/CE), 47,4% dos entrevistados declararam que comprarão algum produto para presentear no Natal deste ano. A data também deve injetar R$ 34,4 bilhões no varejo brasileiro, segundo previsão da Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC).

No entanto, a queixa de Lúcia é a mesma de Mayara Evangelista, 30. A camelô resolveu abrir seu quiosque de roupas aos domingos por causa do alto consumo no fim do ano, mas tem se decepcionado. “Nem tá bom nem tá muito ruim, mas a gente tinha mais expectativa”, conta. Ela esperava mais que dobrar o faturamento neste período em relação ao resto do ano, mas a receita tem sido cerca de 75%.

Os consumidores também reclamam da oferta de lojas abertas neste domingo. Naiciara Barros, 23, trabalha a semana inteira como costureira e só tem o domingo para fazer as compras de fim de ano. “Tá muito fraco. Achei que ia ter mais loja aberta, mas tem pouca”.

Apesar do pessimismo dos comerciantes, Tânia Oliveira, 48, gerente de uma unidade do Ponto da Moda, mostra-se confiante. “O movimento tá bom, mas o consumidor está deixando para a última hora. Só começa a esquentar mesmo a partir da próxima semana”, diz. Desde o dia 1º deste mês, a loja, que sempre abre aos domingos, conta com um adicional de 11 trabalhadores temporários.

Próximo dia 23 é o último domingo que antecede o Natal. O Fecomércio/CE, por meio da pesquisa Potencial de Consumo do Fortalezense, espera que, até o dia 24, o comércio varejista da Capital movimente R$ 307 milhões, 6% a mais que o mesmo período do ano passado. 
TAGS