PUBLICIDADE
Economia
NOTÍCIA

Grupo Penguin assume controle majoritário da Companhia das Letras

No contrato de venda assinado em 2011 já havia a possibilidade da empresa assumir o controle majoritário da Companhia

23:07 | 31/10/2018
O Grupo Penguin assumiu o controle da editora Companhia das Letras nessa terça-feira, 30. A Penguin Random House passou a ter 70% da empresa, e a família Schwarcz, fundadores da empresa, ficou com 30%. Com a reconfiguração, a família Moreira Salles deixou o negócio. As informações são do G1.
 
No contrato de venda assinado em 2011, quando a Companhia das Letras vendeu 45% das ações da empresa ao Grupo Penguin, já havia a possibilidade da empresa assumir o controle majoritário da Companhia. 
 
"Estou confiante de que, em longo prazo, a situação macroeconômica brasileira vai melhorar", disse o CEO da Penguin Random House, Markus Dohle. "Agora, juntos, continuaremos a expandir ainda mais a Companhia."
 
A Companhia das Letras informou, em comunicado, que Luiz Schwarcz continua como CEO, e Lilia Moritz Schwarcz permanece como diretora. Os dois fundaram a empresa juntos em 1986.

Redação O POVO Online 


TAGS