PUBLICIDADE
Economia
NOTÍCIA

Procon aponta redução de 1,54% nos preços de produtos em supermercados

Os valores mais altos foram encontrados nos supermercados da Regional III

23:18 | 14/08/2018
NULL
NULL (Foto: )
[FOTO1]
Os 60 produtos pesquisados mensalmente pelo Departamento Municipal de Proteção e Defesa dos Direitos do Consumidor (Procon Fortaleza) apresentaram redução de 1,54%  na média geral de preços em agosto. A pesquisa, realizada entre os dias 7 e 8 de agosto último, revela que a soma de todos os itens chega a R$ 423,69 contra R$ 430,00 no mês passado (9 e 10/7). Entretanto, o levantamento atual também revelou que a variação de preços dos mesmos produtos nos estabelecimentos pode chegar a 292,26%.
 
A orientação do Procon é que os consumidores pesquisem e optem em realizar compras principalmente em dias de promoções e feiras promovidas pelos supermercados.,

No levantamento, o Procon também realizou um comparativo de preços entre as regionais de Fortaleza. Os locais com preços mais altos foram encontrados nos supermercados da Regional III, onde estão localizados os bairros como Bela Vista, Henrique Jorge e Parquelândia. A soma média dos produtos chega a R$ 479,78. No entanto, em bairros como o Álvaro Weyne, Carlito Pamplona e Farias Brito, que fazem parte da Regional I, é possível encontrar supermercados com preços menores com média de R$ 330,98.

O Procon Fortaleza pesquisa mensalmente produtos em supermercados da Capital cearense, coletando preços presencialmente, de diferentes marcas e tipos, divididos em itens de alimentação, carnes e aves, padaria, refrigerantes, frutas  e verduras, higiene pessoal, limpeza doméstica ou cuidados e higiene infantil.

De acordo com Cláudia Santos, diretora do Procon, a orientação é para que o consumidor exija a oferta anunciada. “Se o estabelecimento utilizou de publicidade com preços promocionais para captar clientes, ele deve cumprir com o prometido". A multa poderá chegar a R$ 11 milhões em casos de publicidade enganosa, afirma a diretora.


[FOTO2]
Dicas e direitos nos supermercados

Verifique as datas de promoções e dias de ofertas;

Analise os encartes distribuídos como sendo de produtos promocionais e exija os mesmos preços praticados nos caixas. Se houver divergência, o consumidor tem o direito de pagar sempre o menor valor;

Avalie e faça as contas com as despesas mensais, como mensalidades escolares, impostos parcelados e outros;

Faça uma lista dos produtos que realmente precisa comprar;

Evite realizar as compras com fome ou acompanhado de crianças;

Pesquise preços e verifique a melhor forma de pagamento e descontos nos pagamento à vista, em dinheiro e no cartão de crédito;

Confira a data de validade dos produtos;

Nem sempre o produto com tarja vermelha é o mais barato. Procure a categoria do item exposto como promocional e escolha um produto que seja mais em conta.
 
Consulte todos os preços aqui 
TAGS