PUBLICIDADE
Notícias

Cresce vendas online de produtos para o Dia das Mães

12:16 | 11/05/2018
NULL
NULL
[FOTO1]
A procura de produtos online para o Dia das Mães, que será comemorado no próximo domingo, 13, está intensa este ano. De acordo com a Associação Brasileira de Comércio Eletrônico (ABComm), o número de vendas nesse segmento deve crescer 17% em comparação a 2017. 

De acordo com o contador e consultor financeiro Marcos Sá, esse aumento se dá em virtude da maior praticidade de procurar produtos pela internet em relação a lojas físicas. O contador diz, também, que muitas vezes o preço nas lojas online são mais baixos e oferecem condições de pagamento e entrega favoráveis ao consumidor. Além dos fatores comodidade e preço, as lojas online ficam abertas 24 horas e são acessíveis em smartphones e outros aparelhos com conexão à internet. 

A ABComm diz que 80% das pessoas fazem pesquisas de preço e qualidade antes de realizar uma compra e, desse número, 73% utilizam sites na internet. Para Marcos Sá, isso contribui para o crescimento de compras no mercado digital, uma vez que muitas pessoas optam por adquirir o produto pela plataforma online após a pesquisa. Para receber essa demanda, o contador diz que as plataformas virtuais estão investindo em publicidade e logística. 

Marcos aponta que, para o período de Dias das Mães, os produtos mais procurados são cosméticos, perfumes, roupas e sapatos. Além das lojas de marcas específicas, a procura cresce também no Mercado Livre. Ao todo, estima-se uma quantia de R$ 2,9 bilhões em vendas pela internet, no período entre 23 de abril e 11 de maio.

Precauções 

Mesmo com tantas vantagens, algumas precauções devem ser tomadas para garantir a efetividade da compra online. O contador e consultor financeiro recomenda que é importante realizar uma pesquisa a respeito do aplicativo ou site escolhido para a compra. É necessário verificar se a plataforma é de segurança, procurando referências do fornecedor no aplicativo, isto é, comentários de demais compradores com informações em relação ao comprometimento com prazo de entrega do produto, possibilidade de troca – em caso de danificação do objeto durante a entrega – e, em resumo, se a compra atendeu às exigências.
 
 
Redação O POVO Online 
TAGS