PUBLICIDADE
Notícias

Ceará recebe 2.735 novas moradias do Programa Minha Casa, Minha Vida

O município que terá o maior número de novos imóveis pelo programa será Iguatu, com 899 unidades. Fortaleza vem em segundo lugar, com 312

10:57 | 07/11/2017
NULL
NULL
[FOTO1]O Ceará vai receber 2.735 unidades habitacionais da Faixa 1 do Programa Minha Casa, Minha Vida (MCMV). Para todo o País, estão previstos 54.089 imóveis. Fortaleza vai receber 312 novas unidades para o Residencial Vila Nova I.
 
A Capital será a segunda cidade com maior número de habitações do Ceará, atrás apenas do município de Iguatu, com 899 imóveis para o Residencial Iguatu de um novo tempo I, Residencial Iguatu de um novo tempo II e Residencial Benderville Iguatu II.

No Estado, também serão beneficiados os municípios de Aracati, com 300 novas unidades habitacionais, Tianguá (296), Viçosa do Ceará (248), Russas (225), Acaraú (208), Granja (151) e Pindoretama (96).

Nesta etapa, os imóveis poderão ser adquiridos a partir dos recursos do Fundo de Arrendamento Residencial (FAR). Para ter direito, é preciso possuir renda familiar mensal de até R$ 1,8 mil. O beneficiário tem até 90% do valor do imóvel subsidiado pelo Governo Federal. O morador paga em até 120 prestações mensais de, no máximo, R$ 270, sem juros.
 
Brasil 
Com o anúncio, o Governo contabiliza a contratação de 92.304 unidades habitacionais neste ano. Faltam 7.696 novas moradias. Em 2017, serão 337 municípios a receber os imóveis, com investimentos que somam R$ 6,31 bilhões.

De acordoo Ministério das Cidades, em nota, as obras serão realizadas por 192 empresas de construção civil, irão gerar 140 mil empregos e devem aquecer a cadeia produtiva do setor.
 
Redação O POVO Online 
TAGS