PUBLICIDADE
Notícias

Fortaleza Liquida começa nesta sexta-feira; lojas ofertam descontos de até 50%

São mais 3 mil lojas nos 15 municípios da Região Metropolitana de Fortaleza participando da ação. Além dos descontos, os consumidores também concorrerão a prêmios

14:40 | 01/09/2017
NULL
NULL
[FOTO1]Começa nesta sexta-feira, 1º, a campanha Fortaleza Liquida na Capital e em toda a região metropolitana, são mais de três mil lojas ofertando descontos de até mais de 50% até o próximo dia 10. Esta é a oitava edição do evento. Além de aproveitar as promoções, os consumidores ainda vão poder concorrer a um sorteio de um Jeep Compass, uma moto Harley Davidson e dez TV´s de 49´´.

Para concorrer aos prêmios, o consumidor precisa fazer compras a partir de R$ 40 e retirar o cupom e para quem utilizar as máquinas da rede, o cupom será duplicado. Algumas lojas já confirmaram participação no evento como a Acal, Casa Pio, Casas Bahia, Ibyte, Itamaraty, Mercadinho São Luiz, Óticas Visão e Zenir. Os seguintes shoppings também vão aderir à ação: Del Paseo, Iguatemi, North Shopping, Parangaba, RioMar Fortaleza, RioMar Kennedy, Shopping Jóquei e Via Sul.

Conforme O POVO apurou na manhã desta sexta-feira, algumas lojas já estão com as liquidações em vigor. Em estabelecimentos que vendem calçados foi possível ver descontos até pela metade do preço. Nas lojas de vestuário, os descontos variavam de 20% a 40%. Já em uma ótica, havia promoções com redução de preços de 20% a 30%.

O presidente da Confederação de Dirigentes Lojistas (CDL) de Fortaleza, Severino Ramalho, destacou que desta vez o evento que costuma acontecendo primeiro semestre do ano ocorre em setembro com objetivo de impulsionar as vendas, em um momento que o Governo do Ceará vai parcelar em três vezes o ICMS das empresas participantes. "Fizemos pesquisa juntamente com os lojistas para escolher esta época do ano. Coincidentemente pegamos um momento de recuperação da economia, todos os indicadores são positivos. Tivemos o FGTS inativo, Pis/Pasep, antecipação do décimo terceiro da aposentadoria, mercado com dinheiro, ano de retorno da economia. Temos a esperança que vamos alcançar o sucesso com a campanha", afirma.

Ele ainda disse que está animado para o movimento do varejo para os últimos meses do ano, Severino acredita que a liquidação será “o ponta pé para as compras de fim de ano". "Em todas as datas comemorativas neste ano percebemos uma melhora para o varejo em relação a 2016. Toda a injeção de dinheiro na economia do País pelo Governo tem favorecido. Serão 2 mil lojas só nos shoppings participando, as outras mil serão lojas de rua, como as do Centro da cidade".

Até a manhã desta sexta, conforme apurou O POVO, as de eletroeletrônico e de móveis do centro da cidade não aplicavam descontos da campanha.

TAGS