PUBLICIDADE
Notícias

Chevrolet Onix zera em teste de colisão da Latin NCAP

Modelo apresentou deficiências no assoalho, falta de sistemas de retenção frontal e ausência de estruturas de absorção de energia. Hatch é o veículo mais vendido do País

15:22 | 11/05/2017
Carro branco
Carro branco

[FOTO1]O Chevrolet Onix zerou no teste de colisão (crash test) para adultos da Latin NCAP, entidade que avalia a segurança dos veículos comercializados na América Latina. No teste de proteção para crianças, a avaliação foi de três estrelas.

 

“Os sistemas de retenção proporcionaram proteção fraca ao peito do motorista. Foram observadas estruturas perigosas na zona do painel contra as que poderiam impactar os joelhos do motorista e do acompanhante”, informava o resultado. No relatório, o chão da área dos pés do motorista se abriu após o impacto.

 

Latin NCAP também avaliou que o automóvel não possui estruturas para absorção de energia, reduzindo o impacto de uma colisão e protegendo os ocupantes do veículo.

 

No impacto lateral, as leituras mostraram proteção adequada para a cabeça e a pélvis, proteção marginal para o abdome e pobre para o peito, explicando o resultado de zero estrela. O veículo não possui airbags laterais. Conta com reforços estruturais para o impacto lateral nas portas, mas não tem elementos de absorção de energia para a pélvis na porta ou nos painéis interiores da porta”, destaca o relatório da entidade.

 

Chevrolet Onix é o automóvel mais vendido no Brasil. De acordo com a Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave), foram emplacadas 53.313 unidades em 2017 no País. Em abril, o número de unidades comercializadas atingiu 12.689.

 

Veja a análise completa da Latin NCAP em: http://bit.ly/2q9pMo5

 

TAGS