PUBLICIDADE
Notícias

Governo Federal arrecada R$ 3,7 bilhões com leilão de aeroportos

O grupo alemão Fraport AG Frankfurt Airport Services arrematou duas ofertas: o aeroporto de Fortaleza (por R$ 425 milhões, com ágio de 18,5%) e o de Porto Alegre (por R$ 290, 5 milhões, ágio de 852,12%)

13:24 | 16/03/2017
Atualizada às 15h56min
Com o leilão dos aeroportos de Fortaleza, Salvador, Florianópolis e Porto Alegre, realizado na manhã desta quinta-feira, 16, na BM&FBovespa, o Governo receberá R$ 1,46 bilhão dos lances mínimos, valor que terá de ser pago à vista no momento da assinatura do contrato, e garantiu uma arrecadação de R$ 3,72 bilhões no período da concessão. O montante que o Governo receberá representa um ágio de 23% em relação aos R$ 3,01 bilhões estabelecidos inicialmente e de 93,75% em relação à oferta mínima prevista de R$754 milhões.

O grupo alemão Fraport AG Frankfurt Airport Services arrematou duas ofertas: o aeroporto de Fortaleza (por R$ 425 milhões, com ágio de 18,5%) e o de Porto Alegre (por R$ 290,5 milhões, ágio de 852,12%). O aeroporto de Salvador foi arrematado pela francesa Vici Airports, por R$ 660,9 milhões, com ágio de 113%.

O aeroporto de Florianópolis ficou com a suíça Zurich International Airport AG, por R$ 83, 3 milhões, ágio de 58%.
 
O diretor-presidente da Agência Nacional de Aviação (Anac), José Ricardo Botelho, informou que as quatro propostas vencedoras, somadas, representam a maior contribuição fixa ao sistema aeroportuário.
 
 “A concessão desses quatro aeroportos resultará na gestão privada de terminais que representam 12% do total de passageiros processados nos aeroportos do País, o que significa que, 59% dos passageiros do País serão processados nos 10 aeroportos concedidos”.
 
Pelas regras, os consórcios vencedores deverão pagar 25% do valor da outorga mínima, cujo valor de Fortaleza foi de R$ 425 milhões, acrescido do ágio ofertado na assinatura do contrato, previsto para o início de agosto. O restante será recolhido em parcelas anuais em favor do Fundo Nacional de Aviação Civil (FNAC) a partir da data de eficácia do contrato. Os valores deverão ser corrigidos pelo Índice de Preços ao Consumidor Amplo (medido pelo IBGE), de acordo com o prazo de concessão de cada aeroporto.

 
Governo

Por meio de sua conta no Twitter, o presidente Michel Temer comemorou o ágio obtido nos leilões de aeroportos realizados hoje. “Sucesso o leilão dos aeroportos de Fortaleza, Porto Alegre, Salvador e Florianópolis. Reconquistamos credibilidade no cenário internacional”, disse o presidente.

“O leilão dos aeroportos teve ágio de R$ 700 mi. Acerto do programa de concessões PPI a cargo da Secretaria Geral da Presidência da República”, acrescentou.
 
Redação O POVO Online com Agência Brasil 
TAGS