PUBLICIDADE
Notícias

Williams, do Fed, defende que EUA elevem juros "antes cedo do que tarde"

06:20 | 19/08/2016
O presidente da distrital do Federal Reserve (Fed, o banco central dos EUA) em São Francisco, John Williams, defendeu ontem que o BC norte-americano volte a elevar os juros de curto prazo "antes cedo do que tarde".

Com o comentário, Williams junta-se a outros dirigentes do Fed que argumentam que a economia dos EUA já se fortaleceu o suficiente para lidar com custos de empréstimos mais altos.

Williams, que falou durante uma conferência no Alasca, descreveu uma economia saudável que cria novos empregos, com forte gastos dos consumidores e melhora na renda familiar. Ele também comentou que não há sinais de que a decisão do Reino Unido de deixar a União Europeia, durante plebiscito em junho, comprometerá o processo de recuperação econômica dos EUA.

"No contexto de uma forte economia doméstica com bom impulso, faz sentido voltar ao ritmo de altas de juros graduais, preferencialmente cedo do que tarde", disse Williams, que não tem direito a voto nas reuniões do Fed este ano.

A próxima reunião do Fed está marcada para 20 e 21 de setembro. Fonte: Dow Jones Newswires.

TAGS