PUBLICIDADE
Notícias

IPC-S desacelera em maio

O setor de saúde e cuidados pessoais contribui para a desaceleração do indicador, principalmente medicamentos em geral

09:13 | 01/06/2016

A inflação medida pelo Índice de Preços ao Consumidor - Semanal (IPC-S) terminou o mês de maio com variação de 0,64%. O indicador registrou 0,04 ponto percentual abaixo da terceira prévia do mês (0,68%).

 

O índice acumula alta de 4,23%, no ano e, 9,15%, nos últimos 12 meses, de acordo com a Fundação Getulio Vargas (FGV).

Contribuíram para desaceleração do indicador os segmentos de saúde e cuidados pessoais (2,16% para 1,36%), especialmente os medicamentos em geral, a taxa era de 5,94% e passou para  2,83%. Também apresentaram retração os setores de alimentação (0,9% para 0,77%) e transportes (-0,22% para -0,42%).

Entretanto, os seguintes grupos apresentaram um acréscimo nas taxas de variação: habitação (0,48% para 0,77%), despesas diversas (2,67% para 3,65%), educação, leitura e recreação (-0,24% para -0,13%) e vestuário (0,51% para 0,65%).

Confira a variação de preços de alguns itens abaixo:


Frutas (3,67% para 1,03%)
Tarifa de ônibus urbano (-0,06% para -0,28%)
Tarifa de eletricidade residencial (0,82% para 2,2%)
Cigarros (6,44% para 8,7%)
Salas de espetáculo (-0,86% para -0,61%)
Calçados (0,24% para 0,51%)
Mensalidade para a internet (1,3% para 2,03%)
Tarifa de telefone residencial (0,19% para 0,12%)

 

Redação O POVO Online

TAGS