PUBLICIDADE
Notícias

Argentina visitará região da Chapada do Apodi

A visita será para analisar os sistemas de monitoramento de pragas no local que é responsável pela maior parte da produção de melão e melancia do País

09:09 | 14/04/2016

Em maio, um grupo de técnicos do Serviço Nacional de Sanidade e Qualidade Agroalimentar (Senasa), vinculado ao Ministério da Agroindústria da Argentina, pretende visitar o Brasil para fiscalizar algumas regiões produtoras de melancia e melão.

Segundo as autoridades argentinas, existe uma divergência com o plano de trabalho e os
requisitos fitossanitários firmados entre os dois países.  

Os técnicos farão a visita entre os dias 18 e 20 de maio em lavouras na Chapada do Apodi, localizada entre o Ceará e Rio Grande do Norte, região responsável pela maior parte da produção de melão e melancia do País, para analisar os sistemas de monitoramento de pragas no local. A finalidade é auditar o plano de trabalho bilateral e atualizá­-lo.

Entretanto, a Chapada do Apodi já é considerada por muitos países como um local livre de uma das principais pragas do melão, a Anastrepha grandis, uma mosca que consegue furar a casca da fruta e colocar seus ovos dentro.

 
Exportação

Em 2015, a Argentina importou US$ 658 mil em melões e US$ 151 mil em melancias brasileiras. As vendas externas dos dois prodrutos representam somente 4% de todas as exportações da

fruticultura brasileira a Argentina, que ano passado somaram cerca de US$ 19,5 milhões.

 

                                                                      Redação O Povo Online com informações do Valor Econômico 

TAGS