PUBLICIDADE
Notícias

Empresas de telefonia lideram ranking de reclamações dos clientes no Ceará

11:17 | 10/03/2016
Empresas de telefonia, bancos e empresas de aviação são as que acumularam o maior número de reclamações dos consumidores cearenses durante o ano de 2015. Balanço divulgado pelo Programa Estadual de Proteção e Defesa dos Direitos do Consumidor do Ceará (Decon-CE) nesta quinta-feira, 10, mostra que a Telemar e a Oi (empresas do mesmo grupo) são as líderes do Cadastro de Reclamções Fundamentadas do órgão. A primeira teve 335 registros de clientes insatisfeitos, a segunda somou 332. Em terceiro lugar, vem a Caixa Econômica Federal, com 183 reclamações. Na sequência, aparecem Digibras Indústria do Brasil (125), Sky (121) e TAM Linhas Aéreas (117).  
A Telemar e a Oi são recorrentes no ranking de reclamações dos clientes cearenses, nos anos anteriores. "Há uma falta de organização e de planejamento da empresa. Que deixa muito a desejar", analisa a promotora Ann Celly Sampaio Cavalcante, secretária-executiva do Decon. Segundo ela, são recorrentes as reclamações de fraudes e da cobrança indevida de serviços não requisitados ou utilizados pelos clientes.

Quando se fala  nas empresas que menos resolvem os problemas relatados pelos clientes, Claro é a líder (18), seguida por Caixa Econômica (16), MRV Engenharia (14), Oi (14), BV Financeira (14), Banco Santander (12), Sky (12), TAM (12), Banco BMG (12) e Gol Linhas Aéreas (12). Todas as informações constam no Sistema Nacional de Informações de Defesa do Consumidor (Sindec).

"O Sindec é um software que armazena todas as reclamações dos consumidores. Tem várias fases: a reclamação resolvida preliminarmente, a reclamação que é resolvida no retorno de CIP (Carta de Informações Preliminares) e que gera a reclamação propriamente dita (quando classificamos no Sindec se a reclamação foi atendida ou não). Quando a reclamação é atendida, ela vai para um promotor de justiça e ele vai avaliar se houve infração ou não", explica Celly.
TAGS