PUBLICIDADE
Notícias

BoE corta projeções de crescimento no Reino Unido

11:45 | 04/02/2016
O Banco da Inglaterra (BoE, na sigla em inglês) divulgou relatório trimestral de inflação nesta quinta-feira, no qual cortou as projeções para crescimento da economia do Reino Unido. Além disso, o BoE prevê que os salários aumentem mais lentamente que o anteriormente previsto e espera também que a taxa de inflação supere levemente a meta de 2% no início de 2018.

O BOE calcula agora que o crescimento econômico do Reino Unido deve ser de 2,2% em 2016, abaixo da previsão de 2,5% de novembro. Para 2017, a projeção foi reduzida de 2,7% para 2,4%. Freios no cenário global foram citados, como a desaceleração na China esperada para os próximos três anos pelos dirigentes. Os riscos para as projeções de crescimento econômico estão inclinados para o lado negativo, segundo a instituição.

O BoE disse que é "mais provável que não" que a próxima mudança na política monetária seja uma alta nos juros. Além disso, afirmou que as pressões inflacionárias devem aumentar, conforme os obstáculos diminuírem. Para o início de 2018, o BoE espera que a inflação fique um pouco acima da meta de 2%. As projeções foram baseadas na expectativa do mercado de que a primeira alta nos juros do BoE aconteça em meados de 2017.

TAGS