PUBLICIDADE
Notícias

Três em cada dez brasileiros planejam pagar as contas de início de ano com o 13º salário, mostra SPC Brasil

Poucos entrevistados conseguiram poupar em 2015 e 13% afirmam que não fazem planejamento algum para começar o ano

10:48 | 18/01/2016

O início de um ano traz gastos extras para o bolso do brasileiro, como o pagamento de compras de Natal, gastos com férias, impostos como IPTU e IPVA, matrícula da escola dos filhos e os materiais escolares. Em 2015, poucos brasileiros conseguiram fazer uma reserva financeira para pagar as contas (19%) e três em cada dez pessoas  (29%) planejam usar ao menos parte do 13º salário para quitar as pendências e evitar ficar com o nome sujo. Os dados são resultado de pesquisa feita pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) e do portal de educação financeira Meu Bolso Feliz.

Segundo o SPC, uma dica válida para todos os brasileiros e principalmente para os que já estão inadimplentes é cortar os gastos desnecessários e evitar compras impulsivas. Uma pesquisa recente do SPC Brasil mostrou que 41% dos brasileiros que compram por impulso estão inadimplentes.

Entre os principais gastos feitos por impulso e que podem ser cortados ou substituídos por alternativas mais baratas estão os relacionados com lazer, como bares, restaurantes e cinema. Os especialistas do SPC Brasil também alertam: promoções e possíveis preços atrativos comuns nesta época do ano são os fatores que mais influenciam nas compras.

Redação O POVO Online 

TAGS