PUBLICIDADE
Notícias

Taxa de desemprego permanece estável em novembro, afirma IDT

A taxa reduziu apenas 0,2% em relação ao mês de outubro. 23 semanas é o tempo médio de procura de emprego

11:37 | 18/12/2014
A taxa de desemprego na Região Metropolitana de Fortaleza (RMF) atingiu a marca de 7,6% da população em idade ativa. Uma redução de apenas 0,2% em relação ao índice de outubro, o que significa relativa estabilidade em relação ao número de desempregados da região metropolitana.

As informações foram captadas pela Pesquisa de Emprego e Desemprego da região metropolitana de Fortaleza (PED-RMF), realizada pela Secretaria do Trabalho e Desenvolvimento Social (STDS), Instituto de Desenvolvimento do Trabalho (IDT), Fundação Seade e Dieese.

De acordo com a pesquisa, os desempregados passam em média 23 semanas procurando emprego.

A PED revelou ainda que um milhão e 773 mil pessoas tiveram algum tipo de ocupação nos setores da construção civil, comércio e reparação de veículos e motocicletas, um crescimento de 1% no nível de ocupação no mês de novembro. O setor de serviços e indústria de transformação, permaneceu com as taxas estáveis, 0,3%.

São considerados ocupadas, pessoas que nos sete dias anteriores ao da entrevista trabalharam em algum desses setores.

Devido à expansão de postos de trabalho nessa época do ano, cresceu em 1,6% o número de assalariados no setor privado, com e sem carteira de trabalho assinada. Já os empregados domésticos diminuíram em 4 mil trabalhadores.

Em relação ao mesmo período do ano passado, a taxa de desemprego total na RMF cresceu 0,6% , porém o tempo médio de procura diminuiu de 27 para 23 semanas.
Redação O POVO Online
TAGS