PUBLICIDADE
Notícias

Rússia reduz previsão de crescimento para 0,3%

09:20 | 10/11/2014
O Banco da Rússia reduziu a previsão de crescimento e elevou sua estimativa de quanto capital deixou o país em 2014. Em um relatório sobre a sua política monetária para o período entre 2015 e 2017, o banco central disse que questões geopolíticas e condições econômicas externas se mostraram sérios riscos para as políticas econômicas e monetárias da Rússia. O banco afirmou prever que as sanções do Ocidente devem permanecer em vigor até o final de 2017, de acordo com seu cenário de base.

O banco central prevê que a economia da Rússia vai crescer apenas 0,3% neste ano, em comparação com a estimativa anterior de alta de 0,4%.

Apesar dos desafios econômicos, o banco central se comprometeu a trabalhar no sentido de levar a inflação anual para até 4% em 2017. Neste ano, a inflação deve ficar superior a 8%, segundo as previsões do banco. A redução da inflação será possível se Moscou suspender a proibição da importação de alimentos de países que anunciaram sanções contra a Rússia, de acordo com o banco central.

A autoridade monetária também disse que agora prevê uma saída líquida de capitais em 2014 de US$ 128 bilhões, em comparação com as expectativas anteriores de cerca de US$ 100 bilhões. O banco espera que o investimento de capital recue 3,3% em 2014, em vez de um crescimento de 3% na previsão presente no relatório de perspectiva anterior. Fonte: Dow Jones Newswires.

TAGS