PUBLICIDADE
Notícias

Rosenberg: PIB subirá 0,1% no 3º trimestre com IBC-Br

09:00 | 17/11/2014
Apesar da alta do IBC-Br de 0,40% em setembro em relação a agosto, a atividade econômica do Brasil não indica forte recuperação no terceiro trimestre deste ano, pois o PIB deve apresentar leve alta de 0,1% ante o segundo trimestre, comentou ao Broadcast, serviço em tempo real da Agência Estado, Thaís Zara, economista-chefe da Rosenberg Associados. O resultado do PIB referente ao 3º trimestre será divulgado em 28 de novembro.

Ela destaca que a elevação do índice apurado pelo Banco Central de 0,60% em setembro no acumulado em 12 meses é o resultado mais baixo desde fevereiro de 2010. "A indústria e serviços estão colaborando para um resultado melhor do Produto Interno Bruto do que o registrado no segundo trimestre, quando ocorreu queda de 0,6%, na margem", comentou. Ela estima que o País deverá registrar um crescimento de 0,2% no acumulado de 2014.

"Porém, a política monetária que elevou os juros básicos colaborou para uma restrição do crédito. Isso mais os investimentos baixos limitam a recuperação da economia neste segundo semestre", destacou Thaís Zara. "Há o mercado de trabalho que apresenta resultados desfavoráveis que estão comprimindo a demanda e também a situação externa que não estimula o avanço das exportações", ponderou. Segundo ela, números ruins de indicadores de confiança de empresas e dos consumidores também não ajudam a aumentar o ritmo da atividade desde julho.

TAGS