PUBLICIDADE
Notícias

Petrobras registra recorde de produção de petróleo e gás

20:50 | 11/11/2014
A Petrobras atingiu em outubro o maior patamar de produção mensal de petróleo e gás de sua história. No mês, a estatal produziu 2,795 milhões de barris de óleo equivalente por dia (boed) no Brasil e no exterior, volume 0,5% superior ao registrado em setembro (2,781 milhões de boed). Apenas a produção de petróleo registrou um volume de 2,126 milhões de barris por dia, um resultado 0,4% maior que o apurado no mês anterior.

No acumulado do ano, a Petrobras registrou um volume de 2,008 milhões de barris de óleo por dia, um crescimento de 5% na produção diária de petróleo em relação ao obtido nos dez primeiros meses de 2013.

Ainda assim, o resultado ficou abaixo da meta da estatal para o ano. Em seu plano de negócios, a companhia projeta um crescimento de 7,5% neste ano, com tolerância de um ponto porcentual para mais ou para menos. Dessa forma, a companhia precisará elevar em 4% a produção diária até dezembro para alcançar a meta projetada.

O resultado de outubro supera o recorde anterior, obtido em dezembro de 2010. Em nota, a estatal destaca que outubro foi o nono mês consecutivo de crescimento da produção de petróleo no País.

Somente no pré-sal, a companhia registrou recorde de 606 mil barris de petróleo produzidos na média diária, um resultado 14% superior ao registrado em setembro. A Petrobras também registrou recorde na produção em águas profundas no dia 28 de outubro, quando atingiu a marca de 640 mil barris de óleo produzidos.

"Vale destacar que esse recorde foi obtido com apenas 31 poços produtores, sendo 17 na Bacia de Campos e 14 na Bacia de Santos", informou a estatal em comunicado divulgado nesta terça-feira, 11. Na avaliação da estatal, a alta ocorreu em função do crescimento da produção de novas plataformas iniciadas ao longo do ano, como a FPSO Cidade de Mangaratiba, no campo de Iracema Sul (Bacia de Santos).

A unidade entrou em operação no último dia 14 de outubro e deverá ser conectada a novos poços produtores até o final do ano. A estatal também citou o desempenho das unidades P-58, no Parque das Baleias (Bacia de Campos); P-55 e P-62, em Roncador (Bacia de Campos); FPSO Cidade de Paraty, em Lula Nordeste (Bacia de Santos); e FPSO Cidade de São Paulo, em Sapinhoá (Bacia de Santos).

Ao todo, a companhia calcula que até outubro foram 63 novos poços produtores ligados às unidades, sendo dez apenas me outubro.

A Petrobras também informou que espera "nas próximas semanas" a entrada em operação de novas unidades de produção "para garantir a continuidade do crescimento sustentado da curva de produção".

Produção total

De acordo com a companhia, a produção total de petróleo operada pela Petrobras em outubro chegou a 2,268 milhões de barris por dia, uma alta de 1,3% em relação a setembro. Nesse segmento, a estatal consolida os dados da produção operados pela companhia para outros parceiros.

Considerando apenas a produção no Brasil, o resultado em outubro foi petróleo e gás de 2,579 milhões de barris de óleo equivalente por dia, também considerado um recorde histórico. Somando o volume operado para parceiros, o resultado chega a 2,783 milhões de barris de óleo equivalente por dia.

TAGS