PUBLICIDADE
Notícias

Confira cinco dicas para evitar problemas com capas automotivas

Ter um local coberto para guardar o veículo nem sempre é possível, mas utilizar capas também exige cuidados

15:46 | 01/10/2014
NULL
NULL

Existem diversos fatores que podem representar danos à pintura do carro, como sol forte, chuva ácida, sereno, dejetos de pássaros, seivas vegetais, chuva de granizo, entre outros. Para protegerem seus veículos muitos proprietários recorrem à utilização de capas, mas é preciso saber utilizá-las para não gerar o efeito contrário.

Confira a lista com cinco cuidados que devem ser tomados com capas automotivas para evitar problemas de pintura:

1 - Mantenha o veículo sempre limpo. Independente do tamanho da sujeira que se apresente no veículo, seja a mais leve, não é recomendado o uso da capa de proteção. Em contato com a capa, as sujeiras podem provocar riscos, prejudicando a pintura.

2 - Prefira capas de polietileno. Durante intensa exposição ao calor, materiais como o PVC e o polipropileno podem causar danos graves à pintura do veículo. O ideal é optar pelas capas fabricadas a base de polietileno com forração para evitar os danos.

[SAIBAMAIS 3] 3 - Escolha uma capa com dispositivo que facilite a ventilação. A recomendação é válida para evitar o superaquecimento da pintura em dias excessivamente quentes.

4 - Nunca deixe o carro molhado quando for utilizar a capa. A umidade pode contribuir com o desgaste do verniz.

5 - Deixe o carro esfriar. Colocar a capa enquanto o veículo ainda está com o motor quente pode, a longo prazo, danificar a pintura pelo excesso de calor.

>> Leia mais sobre carros e motos.

Redação O POVO Online

TAGS