PUBLICIDADE
Notícias

BoE planeja novas medidas de proteção a correntistas

10:20 | 06/10/2014
O Banco da Inglaterra (BoE) informou planos nesta segunda-feira para facilitar que correntistas obtenham o dinheiro de volta no caso de falência de bancos. Os esforços fazem parte de uma ampla reforma para tornar o sistema financeiro do Reino Unido mais seguro.

As reformas propostas incluem detalhes de novas regras para os bancos criarem divisões entre as suas atividades de varejo e a maioria do setor comercial, incluindo a necessidade de ter um conselho separado na unidade separada, sob uma holding de nível superior.

O Banco da Inglaterra, juntamente com outros reguladores financeiros em nível mundial, tem buscado desenvolver novas regras para reforçar o sistema financeiro e proteger-se contra choques de mercado. Muitas das reformas já estão consagradas na lei do Reino Unido e da União Europeia.

A partir do final de 2016, os correntistas em um banco com dificuldades serão capazes de obter o dinheiro de volta dentro de 24 horas sobre um montante de até 85 mil libras (US$ 135,630 mil), atualmente abrangidos pelo regime de proteção dos depositantes no Reino Unido.

A divisão de unidades bancárias se aplica a qualquer instituição com mais de 25 bilhões de libras em depósitos de pessoas físicas e pequenas empresas. Mais detalhes serão dados no próximo ano, disse o BOE.

Haverá também uma proteção maior para muitos segurados, se uma seguradora falir, disse o Banco da Inglaterra. Fonte: Dow Jones Newswires.

TAGS