PUBLICIDADE
Notícias

Rohde Nielsen tem menor preço para dragagem em Santos

18:30 | 03/07/2014
A Companhia Docas do Estado de São Paulo (Codesp) informou que a empresa Rohde Nielsen do Brasil Dragagem Ltda. foi a primeira colocada no pregão eletrônico realizado nesta quinta-feira, 3, para a contratação de serviços de dragagem de manutenção nos pontos mais críticos de assoreamento nos trechos 2, 3 e 4 do canal de acesso e dos acessos aos berços de atracação no Porto de Santos.

O serviço previsto nesse certame é de caráter emergencial e temporário e tem por objetivo garantir a profundidade do canal até que entre em operação a segunda fase do Programa Nacional de Dragagem (PND2), da Secretaria de Portos da Presidência da República (SEP). O governo federal já tentou realizar duas vezes a contratação de serviços de dragagem para o Porto de Santos previstos no PND2, mas as licitações foram encerradas sem um vencedor. Em ambos os casos, as propostas apresentadas ficaram acima do orçamento estimado pela SEP.

O pregão eletrônico realizado hoje foi feito por meio da Comprasnet, site de compras do governo federal. A Rohde Nilsen apresentou a melhor proposta, de R$ 13,8 milhões. As demais propostas classificadas foram no valor de R$ 21 milhões, da Van Oord Serviços de Operações, e de R$ 22,3 milhões, da Jan de Nul do Brasil Dragagem.

Ficou estipulado prazo até 10 de julho para a primeira colocada enviar as planilhas de preço com respectiva composição de custo. Após esse prazo, a Codesp avalia e, em caso de aprovação, declara a primeira colocada como vencedora do certame.

TAGS