PUBLICIDADE
Notícias

Bradesco avalia participar de novo crédito a elétricas

14:00 | 31/07/2014
O Bradesco está avaliando a participação na nova rodada de empréstimos para as empresas elétricas via Câmara de Comercialização de Energia Elétrica (CCEE), de acordo com o presidente do banco, Luiz Carlos Trabuco Cappi. "Existe negociação dentro da normalidade. Isso está em avaliação, com interesse. É uma operação consorciada", afirmou ele, em teleconferência com a imprensa.

Pesará na avaliação do Bradesco em participar do novo empréstimo, segundo Trabuco, retorno compatível com o custo da operação e, principalmente, a estrutura de garantias. O executivo não disse, porém, qual deve ser o tamanho da participação do banco na operação, caso a instituição realmente esteja no pool de bancos.

Segundo apurou o Broadcast, serviço de notícias em tempo real da Agência Estado, o empréstimo que está sendo negociado agora é de R$ 6,5 bilhões. Parte será financiada pelos bancos públicos Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), Banco do Brasil e Caixa Econômica Federal.

No primeiro empréstimo para a CCEE, de R$ 11,2 bilhões, Bradesco teve fatia de R$ 2 bilhões assim como o Itaú Unibanco. BB e Caixa responderiam por R$ 2,5 bilhões, mas com a entrada do Credit Suisse o valor final dessas instituições ficou em R$ 2,450 bilhões cada. O Santander ficou com R$ 1 bilhão, Citibank com R$ 500 milhões, BTG Pactual com R$ 400 milhões, Bank of America Merrill Lynch com R$ 200 milhões e JPMorgan e Credit Suisse com R$ 100 milhões cada. O Bradesco foi o gestor do empréstimo.

TAGS