PUBLICIDADE
Notícias

Holcim e Lafarge acertam fusão, diz jornal

21:20 | 05/04/2014
Os conselhos de administração da suíça Holcim e sua rival francesa Lafarge concordaram na fusão de suas empresas para criar a maior fabricante de cimento do mundo, informou o jornal Le Figaro na edição deste domingo.

O jornal informou que o conselho da Holcim se reuniu na manhã de sábado e o da Lafarge, no final do dia, mas não forneceu a fonte. As duas empresas tinham confirmado as negociações para sobre uma fusão na sexta-feira.

"Holcim e Lafarge acreditam que...há lógica em considerar uma potencial fusão que poderia trazer benefícios significativos a clientes, funcionários e acionistas", informaram as empresas em comunicados distintos, mas quase idênticos.

A nova sede do grupo será na Suíça, com instalações da companhia tanto na Suíça como na França. Bruno Lafont, chefe executivo da Lafarge, comandará as operações como CEO do novo grupo. Le Figaro disse que o novo presidente será suíço.

A companhia suíça havia dito sexta-feira que as conversas estavam em estágio "avançado".

De acordo com um ranking de 2013 da revista especializada Cement Global, que avalia a capacidade de produção global baseada em uma ampla gama de fatores, a chinesa Anhui Conch tinha uma capacidade de produção anual de 217 milhões de toneladas, seguida pela Lafarge, com 205 milhões de toneladas e Holcim, com 174 milhões toneladas. Portanto, a combinação das duas empresas criaria uma gigante do setor.

Fundada na Suíça em 1912, a Holcim emprega 71 mil pessoas, com unidades de produção em cerca de 70 países e presença de mercado em cada continente. A empresa contabilizou vendas líquidas de 19,7 bilhões de francos suíços (US$ 22,2 bilhões) em 2013.

A Lafarge iniciou suas operações em 1833 e atualmente emprega 65 mil pessoas em 64 países, com vendas de 15,8 bilhões de euros (US$ 21,6 bilhões).

Fonte: Dow Jones Newswires

TAGS