PUBLICIDADE
Notícias

Crédit Agricole fecha agências na Crimeia

11:30 | 22/04/2014
O banco francês Crédit Agricole fechou suas quatro agências na Crimeia, segundo uma pessoa com conhecimento do assunto, um mês depois de a república autônoma decidir abandonar a Ucrânia e voltar a fazer parte da Rússia.

Ainda não está claro se o fechamento é temporário, de acordo com a fonte. Mas o Crédit Agricole, que tem cerca de 200 agências e emprega mais de 2,6 mil pessoas em toda a Ucrânia, foi obrigado a interromper todas as operações na península do Mar Negro por questões legais, disse a fonte.

Vários bancos estrangeiros foram forçados a se retirar da Crimeia nas últimas semanas após a anexação da região pela Rússia, que é considerada ilegítima pelo Ocidente.

Na semana passada, o também francês BNP Paribas disse ter decidido suspender atividades na Crimeia "por motivos que vão além de seu controle".

O banco italiano UniCredit também interrompeu as operações na Crimeia e fechou suas 14 agências locais. Fonte: Dow Jones Newswires.

TAGS