PUBLICIDADE
Notícias

Fipe eleva projeção para IPC de março para 0,71%

13:20 | 26/03/2014
O coordenador do Índice de Preços ao Consumidor (IPC) da Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe), Rafael Costa Lima, informou nesta quarta-feira, 26, ter elevado a projeção para o indicador no encerramento de março, de 0,62% para 0,71%. A alteração foi feita na esteira da surpresa com o IPC da terceira quadrissemana de março, que subiu 0,76%, ante expectativa da Fipe de 0,67%.

Em entrevista exclusiva na sede da Fipe, o coordenador atribuiu o movimento aos preços de Alimentação, que têm subido fortemente e de maneira recorrente, o que tem levado a sucessivas revisões de projeção para o fechamento desde o início do mês. Costa Lima começou março com previsão de 0,45% para o IPC do mês, elevou para 0,48%, para 0,62% e, agora para 0,71%. "A previsão só fez subir. No início do mês, era 0,45%. Foi um salto acrobático", disse. "Tudo caminha para Alimentação ser destaque", completou.

O grupo Alimentação saiu de uma alta de 0,83% na primeira quadrissemana, para 1,41% e 1,84% na segunda e na terceira leituras do mês. Para o fechamento, a expectativa de Costa Lima é de que suba um pouco mais, para 1,87%. Os preços do grupo ainda estão pressionados pelo efeito da estiagem sobre algumas culturas, o que afeta especialmente os produtos in natura, e também pelo repasse das altas dos preços agropecuários no atacado para o varejo, que atinge sobretudo os subgrupos industrializados e semielaborados. Na terceira quadrissemana de março, os in natura avançaram 10,26%. Os semielaborados saíram de uma queda de 0,15% na segunda apuração para alta de 1,19%, enquanto os industrializados zeraram a queda, ao passar de -0,24% para 0,01%.

Para 2014, por enquanto, a Fipe ainda mantém a estimativa de 5% para o IPC.

TAGS