PUBLICIDADE
Notícias

Aéreas transportaram 7,3 mi de passageiros em fevereiro

16:50 | 28/03/2014
As companhias aéreas nacionais transportaram em fevereiro um total de 7,3 milhões de passageiros com bilhetes pagos em fevereiro, informou a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac). O volume é 14,4% maior em relação a fevereiro de 2013 e foi o maior para o mês nos últimos 10 anos, segundo a agência.

A GOL foi a empresa que mais transportou passageiros no mercado doméstico em fevereiro de 2014, com 2,69 milhões, seguida pela TAM, com 2,39 milhões, e pela Azul, com 1,56 milhão.

A Anac também divulgou dados de tráfego de passageiros. A demanda, medida em passageiros-quilômetros pagos transportados (RPK) cresceu 11,2% no mercado doméstico no mês passado, na comparação com fevereiro de 2013. "Esse é o maior índice em dez anos para o mês de fevereiro", disse a Anac em nota.

Já a oferta, medida em assentos-quilômetros oferecidos (ASK) diminuiu 0,4% no período. Com isso, a taxa de aproveitamento das aeronaves (Load factor) nos voos domésticos operados por empresas brasileiras (RPK/ASK) foi recorde para o mês de fevereiro nos últimos dez anos, da ordem de 80,5%, uma melhora ante os 72,03% reportados no mesmo mês de 2013.

Segundo a Anac, entre as principais empresas aéreas brasileiras, Azul e Avianca se destacaram com as maiores taxas de crescimento de demanda doméstica para o mês, quando comparadas a fevereiro de 2013, dando prosseguimento à escalada iniciada nos meses anteriores, com índices de 59,4% e 34,4%, respectivamente. "Somadas as empresas acumulam 10,9% da demanda doméstica no período", disse a agência reguladora em nota.

A GOL registrou aumento de 19,5% e a TAM se manteve praticamente estável, com aumento de 0,5% em fevereiro deste ano. "A TAM foi a única empresa que apresentou redução da oferta de assentos (ASK), registrando 7,7% em fevereiro de 2014, quando comparada a fevereiro de 2013", acrescentou a Anac.

Em linhas gerais, os dados de tráfego da Anac são bastante similares aos divulgados semana passada pela Abear, embora a agência incorpore também os números de empresas não associadas à entidade setorial, como MAP Linhas Aéreas, Passaredo, Sete e Total.

No acumulado dos dois primeiros meses do ano, a demanda tem alta de 9,19%, enquanto a oferta cresce de 3,03%, levando a uma taxa de ocupação de 80,5%, frente os 76,0% do mesmo período de 2013.

Internacional

No transporte aéreo internacional, a demanda (em RPK) das empresas aéreas brasileiras apresentou contração de 0,6% em fevereiro, enquanto a oferta (em ASK) registrou queda de 9,6% no mesmo período. "Está é a quarta redução consecutiva na oferta internacional e a segunda na demanda", destacou a Anac.

A GOL registrou alta de 25,4% na demanda por transporte aéreo internacional em fevereiro de 2014, quando comparada a fevereiro de 2013, enquanto a TAM apresentou redução de 4,3% no período. Ainda assim, a TAM mantém larga liderança de mercado, com 84,5% de participação, enquanto a GOL ficou com os 15,5% restantes.

A taxa de aproveitamento das aeronaves em voos internacionais alcançou 77,5% em fevereiro de 2014, contra 70,5% no mesmo mês de 2013, representando uma variação positiva de 9,9%. A TAM teve ocupação média de 78,9% em suas aeronaves no mês de fevereiro de 2014 e a GOL registrou taxa de 70,8% no mesmo período.

O número de passageiros transportados no mercado internacional em fevereiro atingiu 472,1 mil, com alta de 0,6% em relação a fevereiro de 2013. A TAM foi a empresa que mais transportou passageiros no mercado internacional mês passado, com 324 mil. A GOL transportou 148 mil passageiros, com aumento de 26,7% em relação ao ano anterior.

Carga

A quantidade de carga paga transportada no mercado aéreo doméstico registrou leve aumento de 1,9% em fevereiro, na comparação com mesmo mês do ano passado, somando 28,9 mil toneladas, informou a Anac.

Já a quantidade de carga paga transportada no mercado internacional pelas companhias aéreas brasileiras - ABSA, GOL e TAM - foi de 12,7 mil toneladas no mês passado, o que representou redução de 11,5% com relação a fevereiro de 2013.

A TAM seguiu na liderança dos mercados de carga doméstica (com 40,3% do total movimentado) e internacional (73%), ainda que a companhia tenha transportado volumes menores. A aérea movimentou 7,8% menos carga dentro do País em relação ao verificado em fevereiro de 2013, enquanto cresceram Passaredo (+280,39%), Azul (+97,25%), Avianca (+31,91%) e ABSA (+16,3%). No mercado internacional, a queda observada pela TAM foi de 14,31%.

A GOL também reportou queda nos volumes de carga transportada, de 3,17% no mercado doméstico e de 32,5% no mercado internacional. A companhia detém 25,68% do mercado nacional e 1,04% do mercado internacional (considerando apenas as empresas nacionais).

TAGS